Menu
quinta, 26 de novembro de 2020
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
OPERAÇÃO

Operação mira novamente pedofilia na internet em MS

Na casa de um dos suspeitos, a polícia localizou arma de fogo e munições

29 Out 2020 - 09h35Por Redação

Policiais civis da DEPCA (Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente) desencadearam nesta quinta-feira (29) nova fase da operação "Deep Caught", em repressão a abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados na internet. Essa é a terceira vez que os investigadores atuam nessa ação. 

De acordo com o Campo Grande News, foram expedidos quatro mandados de busca e apreensão na Capital. 

Na casa de um dos suspeitos, a polícia localizou arma de fogo e munições. Computadores e outros produtos eletrônicos foram apreendidos.

A pena para quem armazena esse tipo de conteúdo varia de 1 a 4 anos de prisão, de 3 a 6 anos pelo compartilhamento e de 4 a 8 anos de prisão pela produção de conteúdo relacionado aos crimes de exploração sexual.

A previsão está no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARACAJU - AÇÃO DO DOF
Veículo com mais de 700 quilos de maconha foi apreendido em estrada rural de Maracaju
AÇÃO DA PMA DE JARDIM
Homem derruba diversas árvores nativas e coloca fogo, PMA autua em Guia Lopes da Laguna
COMBATE A VIOLÊNCIA CONTRA MULHER
Com delegacia virtual, Governo amplia combate a violência contra as mulheres
OPERAÇÃO PÁTIO ZERO EM MS
Operação Pátio Zero: mais de 400 motocicletas estão disponíveis em leilão de sucata aproveitável
TRAGÉDIA NAS ESTRADAS
Mãe de bebê também morre após carro bater em coqueiro em Bonito (MS)
Carro colidiu com coqueiro na rodovia (Digulgação/PM) TRAGÉDIA ENTRE JARDIM E BONITO
Cinco ficam feridos e bebê de um mês morre após carro colidir com coqueiro entre Jardim e Bonito
BONITO - MS - AÇÃO DA PMA
Arrendatário multado em R$ 124 mil por causar turbidez na água de córrego e rio afluentes do Formoso
CASO DE POLÍCIA
Durante briga com mulher, homem fica ferido a facadas em frente de hotel
PLANTÃO POLICIAL FEMINICÍDIO NO MS
FEMINICÍDIO: Homem invade apartamento e mata a ex-companheira a golpes de faca
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Pontes destruídas no Pantanal serão substituídas por pontes de concreto