Menu
quarta, 20 de outubro de 2021
Busca
BONITO ÁGUAS GREEN WEEK
VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

Criança de 2 anos grita e impede pai de matar a mãe esfaqueada

11 Out 2016 - 10h05Por Correio do Estado

Rapaz de 21 anos agrediu a esposa, de 20 anos, e pegou uma faca para matá-la, mas desistiu depois da filha do casal, de 2 anos, gritar por socorro. Caso aconteceu na manhã de hoje, em Batayporã.

De acordo com o boletim de ocorrência, vítima disse a polícia que é constantemente agredida pelo esposo, com quem vive há cerca de seis anos e tem duas filhas gêmeas.

Hoje, mulher informou que foi novamente agredida, na frente das crianças. Durante as agressões, suspeito tentou esganar a vítima e pegou uma faca para matá-la, momento em que a menina gritou e ele desistiu do crime.

Depois disso, homem ameaçou a mulher de morte e afirmou que, além dela, também mataria os pais da esposa e as filhas do casal.

Vítima foi encaminhada ao hospital, com ferimento no pescoço. Ela procurou à delegacia de Polícia Civil para denunciar o caso e pediu medida protetiva.

Caso foi registrado como lesão corporal dolosa (violência doméstica) e ameaça.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Ivinotícias FATALIDADE
Homem morre após sofrer descarga elétrica de 34 mil volts em MS
CNH INFRAÇÃO NAS REDES SOCIAIS
Postar infração de trânsito nas redes sociais pode gerar multa de até R$ 30 mil e CNH cassada
CASO DE POLÍCIA
Dupla que abatia bois para furtar a carne em fazenda de MS, são detidos por funcionários
SAIBA COMO FAZER
Teve prejuízos materiais durante o vendaval? Saiba o que fazer
GUARDA MUNICIPAL DE BONITO NO GABINETE BONITO - MS - NO GABINETE
Trutis garante emenda de R$ 180 mil para compra de equipamentos para Guarda Municipal de Bonito
Vítima foi levada para a Unidade Básica de Saúde do município, onde foi constatada a morte (Foto: arquivo / Liga da Justiça) FATALIDADE
Jovem morre após receber descarga elétrica em área rural
MORTE A ESCLARECER
Idoso é encontrado morto no sofá, amarrado pelas mãos e com sangramento na cabeça
Goianos ficaram desaparecidos após naufrágio no Pantanal  Foto: Arquivo Pessoal/Thamiris Furquim NAUFRÁGIO NO RIO PARAGUAI
Marinha e Polícia Civil investigarão naufrágio que matou 7 pessoas no Pantanal
PMA DE JARDIM AÇÃO DA PMA DE JARDIM
Pescadores recebem PMA a tiro em acampamento de pesca no rio Miranda
Mais dois corpos foram achados logo nas primeiras horas de buscas neste sábado DURANTE TEMPORAL
Chalana vira com 21 pessoas durante vendaval, 06 corpos já foram encontrados no rio Paraguai