Menu
ITALÍNEA DOURADOS
sexta, 21 de setembro de 2018
KAGIVA
Busca

Proposta prevê alteração em regras para perda de mandato

14 Mar 2011 - 16h21Por Bonito Informa / Agência Câmara

O Projeto de Resolução 33/11, da deputada Erika Kokay (PT-DF), que se encontra tramitando na Câmara dos Deputados, em Brasília, prevê perda de mandato para parlamentar que receber vantagens indevidas a qualquer tempo, mesmo antes do início do mandato.

Hoje, o Código de Ética e Decoro Parlamentar determina que podem perder o cargo apenas os deputados que cometerem esse delito após o exercício do mandato.

Para Erika Kokay, admitir a possibilidade de julgamento de um delito unicamente em função do momento em que ocorreram os fatos comprometedores do parlamentar "seria estabelecer uma conclusão prévia e passiva a equívocos".

A deputada afirma que o projeto pretende introduzir o aspecto da temporalidade não como um óbice para que o Conselho de Ética exerça sua função de garantir a lisura do Parlamento, mas como aspecto a ser levado em conta, a qualquer tempo, para a abertura de inquérito disciplinar

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - VAMOS AJUDAR
Churrasco beneficente em prol Hospital acontece dia 30 em Bonito (MS)
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
BONITO - MS - VISITA NO GABINETE
BONITO: Odilson recebe alunos que participam do Programa Agrinho, modalidade Experiência Pedagógica
BONITO - MS - REIVINDICAÇÃO ATENDIDA
Lúcia Miranda tem reivindicação atendida pela prefeitura com instalação de semáforo em Bonito (MS)
ELEIÇÕES 2018
Odilon perde para Reinaldo e vai ter que fazer propaganda para tucano em rede social
OPERAÇÃO VOSTOK
Polaco presta depoimento na Operação Vostok e nega contato com Reinaldo Azambuja
ELEIÇÕES 2018 -
Justiça indefere registro candidatura de João Grandão e mais 9 candidatos em MS
ESPORTES
Inscrições para Jogos Radicais Urbanos terminam nesta quinta
LIGA DOS CAMPEÕES 2019
Lateral de MS marca e garante empate do Shakhtar Donetsk na estreia
FALSO POLICIAL
Falso policial condenado a 117 anos é preso na Bolívia