Menu
mutantes
tera, 23 de abril de 2019
ASSOMASUL MARÇO
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO

Índice da Bolsa de Tóquio tem pior resultado desde 2008

15 Mar 2011 - 14h42Por Folha.com

O índice Nikkei da Bolsa de Tóquio chegou a despencar 12% na tarde desta terça-feira, arrastada pela crise nuclear no complexo de Fukushima, mas fechou o pregão com perda de 10,55% a 8.605,15 pontos. Essa é a maior queda diária desde outubro de 2008.

Enquanto isso, o índice Nikkei de futuros chegou a recuar 16%.

O Nikkei perdeu cerca de 17% de seu valor desde o terremoto e tsunami que atingiram o Japão na sexta-feira (11), causando explosões em várias usinas nucleares e forçando milhares de fábricas a fechar as portas.

Às 04h30 GMT (1H30 Brasília), o índice Nikkei dos 225 principais valores recuava 12,38% ou 1.190,75 pontos, a 8.429,74 unidades, caindo a seu nível mais baixo desde abril de 2009.

O índice ampliado Topix baixava 11,80%, a 747,01 unidades.

"É uma situação de pânico, e não apenas entre os investidores estrangeiros, todo mundo quer se livrar de suas ações", disse Yosuke Shimizu, operador da Retela Crea Securities.

Empresas como a BTP, que haviam subido na segunda-feira diante da perspectiva dos trabalhos de reconstrução no nordeste do país, recuavam hoje em média 15%.

A ramo imobiliário também era duramente atingido, com perda média de 20%.

As montadoras, que sofreram muito na véspera, perdiam menos nesta terça-feira, com Toyota caindo 6,19%, a 3.105 ienes, Honda, 7,01%, a 2.875, e Nissan, 8,03%, a 664 ienes.

Entre os fabricantes de eletrônica, Sony perdia 8,62%, a 2.330 ienes, e Panasonic, 13,62%, a 843 ienes.

A crise nuclear provocada pelo tsunami de sexta-feira passada se agravou nesta terça, com um incêndio no reator Nº 4 da central de Fukushima 1, o que elevou "consideravelmente" o nível de radiação.

Uma explosão já havia destruído parcialmente hoje o reator dois da central nuclear, atingindo o reservatório do condensador do cilindro de confinamento.

Houve explosões em dois outros reatores desta usina, sábado e segunda-feira. Nos dois casos, a deflagração, devido ao escapamento de hidrogênio, danificou ou destruiu o prédio externo do reator, mas sem atingir o núcleo da instalação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CIDADES
Dias Toffoli chama para conciliação com indígenas e revolta sitiantes
POLÍTICA
Deputado quer proibir sátira de imagens cristãs em manifestações de MS
COTIDIANO
Amigos lamentam falecimento de Rubens Catenacci, referência na pecuária brasileira
TURISMO
Boletim comparativo de alta temporada do ObservaturMS mostra crescimento no fluxo turístico
GERAL
MPT investiga demissão de funcionários da Mabel sem aviso prévio em MS
EDUCAÇÃO
Governo de MS divulga inscrições para Vale Universidade Indígena
MEIO AMBIENTE
Desmatamento prossegue em Rio Verde, mas com nova faixa de preservação
POLÍCIA
Traficante foge e abandona picape com mais de 800 kg de maconha
POLÍTICA
Prefeita de Miranda continua no comando até ser notificada de cassação
EMPREGOS E CONCURSOS
Prefeitura abre seletiva com 34 vagas e salários de até R$ 1,7 mil em MS