Menu
BANNER ANNA
domingo, 5 de abril de 2020
Busca
POLONIO IMÓVEIS
PRAZO

Prazo para entrega de declaração de microempreendedor é prorrogado

A medida, aprovada pelo Comitê Gestor do Simples Nacional, foi publicada no Diário Oficial de hoje (26)

26 Mar 2020 - 11h34Por Anna Gomes/Agência Brasil

O prazo de apresentação da Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais (Defis) e da Declaração Anual Simplificada para o microempreendedor individual, referentes ao ano calendário de 2019, foram prorrogadas para o dia 30 de junho de 2020.

A medida, aprovada pelo Comitê Gestor do Simples Nacional, foi publicada no Diário Oficial de hoje (26). Segundo a Receita Federal, o objetivo é diminuir os impactos econômicos causados pela pandemia de covid-19 no Brasil.

A Receita lembra que o comitê já havia aprovado a Resolução nº 152, de 18 de março de 2020, prorrogando o prazo para pagamento dos tributos federais no âmbito do Simples Nacional.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - LIVE NESTA SEGUNDA
Advogada de Bonito (MS) realiza 'Live' para informar empresários em tempos de crise nesta segunda
AÇÕES DO GOVERNO DO MS
Reinaldo estuda fornecer alimentos para alunos não cadastrados no Vale Renda durante pandemia
BONITO - MS - OPERAÇÃO DA PM E EXÉRCITO
Contra o coronavírus, PM e Exército fazem operação e 'fecham' entrada que dá acesso a Bonito (MS)
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo de MS espera retorno do turismo e anuncia ações para minimizar impactos do coronavírus
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Servidores de MS podem renovar empréstimos com carência de até 6 meses pelo Banco do Brasil
SERVIDORES ESTADUAIS
No primeiro dia do mês Governo libera pagamento de servidores que ganham até R$ 4 mil
BONITO - MS - REUNIÃO NO GABINETE
Em reunião com empresários, prefeito só toma nova decisão depois do dia 07 de abril em Bonito (MS)
ECONOMIA
Saiba se você tem direito ao auxílio de R$ 600 mensais
CORONAVÍRUS NO MS
Novo decreto proíbe roda de tereré e narguilé em cidade de MS
BONITO - MS - CONTINUA TUDO COMO ESTÁ
BONITO: Em nova reunião, vai continua comércio fechado, toque de recolher e entrada de turistas