Menu
sábado, 13 de abril de 2024
Busca
Planejado
Viagem

Bonito quer se tornar o principal destino de ecoturismo do Brasil

1 Mar 2024 - 19h31Por Redação Bonito Informa / Revista Exame

Rios de águas cristalinas, cavernas, lagoas de um azul intenso e revoadas de araras, tudo isso cercado por extensas plantações de soja e milho e pasto com cabeças de gado até onde a vista alcança. Assim é Bonito, no Mato Grosso do Sul, um reduto de ecoturismo em uma das regiões mais conhecidas pelo agronegócio no país.

O que Bonito tem a oferecer?

A cidade, que começou as atividades com ecoturismo ainda na década de 1990, não só tem obtido sucesso em manter os atrativos turísticospreservados em proximidade ao agronegócio, como também tem despontado como um destino de ecoturismo sustentável que quer se internacionalizar e virar o segundo destino do turista no Brasil.

 

“Os rios de águas cristalinas que a gente nada hoje, eram rios de águas cristalinas que o gado bebia água, até que os fazendeiros passaram a perceber que tinham ali uma verdadeira jóia e se reuniram para organizar o sistema. O segredo de Bonito é que começou certo”, contaBruno Wendling,diretor-presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur).

A ideia é atrair o turista estrangeiro que vem ao Rio de Janeiro e São Paulo e opta por um destino de ecoturismo como Foz de Iguaçu (PR), bem como promover o destino internamente. Outra ideia é fomentar a rota Bonito-Pantanal, que conecta os dois biomas passando pela Serra da Bodoquena, criando um grupo de atrativos diversos no estado.


 

Um destino sustentável

Para promover o destino, o governo investiu em pilares do ESG: profissionalizou a gestão dos atrativos de aventura, zerou as emissões de carbonocom turismo na cidade e envolveu a comunidade por meio do fomento da economia local e treinamento para empregos no setor.

Em 2022, Bonito se tornou o primeiro ecodestino  do mundo com certificação carbono neutro, creditado pela Green Initiative. A cidade também já recebe, desde dezembro de 2021, um dos voos carbono-zero do país, vindo do Aeroporto de  Congonhas, em São Paulo.

De acordo com a Organização Mundial do Turismo, o setor é responsável por até 8% das emissões de gases de efeito estufa no mundo.

Bonito é reconhecida década de 1990 por um sistema de gestão do fluxo de turistas nos atrativos, conhecido como voucher, que garante que os ingressos sejam adquiridos apenas com os operadores licenciados, mantém a lotação sobre controle de acordo com o plano de impacto ambiental e garante ainda o recolhimento de impostos, num sistema integrado entre prefeitura, agências de turismo e fazendas.

Agora o foco é a certificação de segurança dos atrativos, com planos de emergência e teste de equipamentos.

A Secretaria de Turismo de Bonito mantém programa Aventura Segura que fiscaliza, certifica e orienta empresas e profissionais que operam atividades como rafting, rapel, tirolesa, arvorismo, trilhas, canoagem e até observação de aves, garantindo ao turista que normas de segurança e controle de risco são atendidas.

Mas administradores locais estão avançando na certificação e recorrendo a normas do Inmetro e ABNT para certificar atrações como tirolesa e bóia-cross, numa percepção de que o turista quer aventura, mas não quer correr riscos.

A aposta é de que um operação de turismo sustentável, certificado e que envolva a comunidade atraia mais os visitantes que ainda não conhecem esse pedaço de paraíso no quintal do agronegócio brasileiro. O resultado é garantido: um relatório do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC) em conjunto com a Deloitte no mundo todo, 69% dos turistas buscam destinos sustentáveis e 60% já fizeram, nos últimos dois anos, suas escolhas baseadas neste quesito.

Leia Também

Uma atração noturna para todos os gostos e idades, esse lugar tem nome e sobrenome, Garajão Bto Gastronomia
Uma atração noturna para todos os gostos e idades, esse lugar tem nome e sobrenome, Garajão Bto
Nascente Azul comemorou a 14ª edição do Dia Nacional da Alegria. Veja as fotos! Ação social
Nascente Azul comemorou a 14ª edição do Dia Nacional da Alegria. Veja as fotos!
'Acontecimento incomum': Peixe ataca e quase arranca calcanhar de turista em Balneário de Bonito Algo incomum
'Acontecimento incomum': Peixe ataca e quase arranca calcanhar de turista em Balneário de Bonito
Inpasa recebe licença para indústria em Sidrolândia que deve gerar mais de dois mil empregos MS em pleno desenvolvimento
Inpasa recebe licença para indústria em Sidrolândia que deve gerar mais de dois mil empregos
Confirmado! Chrystian no 2° Festival de Pesca Esportiva no distrito Águas do Miranda! Show
Confirmado! Chrystian no 2° Festival de Pesca Esportiva no distrito Águas do Miranda!
PMA de Águas do Miranda autua e paralisa atividades de pesqueiro por falta de licença ambiental Fiscalização
PMA de Águas do Miranda autua e paralisa atividades de pesqueiro por falta de licença ambiental
TEMPO DE DESCOBERTAS: BONITO E A NASCENTE AZUL NA TRANQUILIDADE DA BAIXA TEMPORADA Natureza
TEMPO DE DESCOBERTAS: BONITO E A NASCENTE AZUL NA TRANQUILIDADE DA BAIXA TEMPORADA
Aquário de Bonito encerrará suas atividades após 16 anos de encanto subaquático
Turismo
Aquário de Bonito encerrará suas atividades após 16 anos de encanto subaquático
Ex-militar acusado de matar e desovar corpo de mulher enfrenta novo júri em MS Em Campo Grande
Ex-militar acusado de matar e desovar corpo de mulher enfrenta novo júri em MS
'Pai' das sucuris de Bonito chora ao descobrir que sucuri morta é Vovózona: 'estou me recompondo' Sucuri Vóvozona
'Pai' das sucuris de Bonito chora ao descobrir que sucuri morta é Vovózona: 'estou me recompondo'
Bonito Informa
Avenida 09 de Julho 2135 - Centro - Bonito/MS/MS
(67) 99638-6610rogerio@bonitoinforma.com.br
© Bonito Informa. Todos os Direitos Reservados.