Menu
segunda, 1 de maro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
URGENTE!

Por decisão de Sérgio Moro, Eduardo Cunha é preso em Brasília

19 Out 2016 - 12h49Por G1

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância da Justiça, determinou na terça-feira (18) a prisão do ex-presidente da Câmara e deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). O pedido é de previsão preventiva, ou seja por tempo indeterminado.

Ele foi preso em Brasília nesta quarta (19), segundo a GloboNews. A previsão da Polícia Federal (PF) é de que ele chegue a Curitiba no fim desta tarde.

O peemedebista perdeu o mandato de deputado federal em setembro, após ser cassado pelo plenário da Câmara. Com isso, ele perdeu o foro privilegiado, que é o direito de ser processado e julgado no Supremo Tribunal Federal (STF).

Cunha (Foto: Reprodução)Despacho de Sérgio Moro autorizando a prisão de Eduardo Cunha (Foto: Reprodução)

 

Processo
Moro retomou na quinta-feira (13) o processo que corria no Supremo Tribunal Federal (STF) contra Cunha. Em resumo, a ação penal trata da existência de contas na Suíça em nome do ex-parlamentar.

Como o STF já havia aceitado a denúncia, Moro apenas vai continuar o julgamento do caso, a partir de onde o processo parou na Suprema Corte.

O processo foi transferido para a 13ª Vara da Justiça Federal no Paraná após Cunha perder o mandato de deputado federal.

Junto com o cargo, ele também perdeu o direito à prerrogativa de foro - o chamado foro privilegiado, que lhe garantia a possibilidade de ser julgado apenas pelo STF.

Agora, toda a ação penal contra o ex-deputado deverá correr nos trâmites normais do Judiciário para qualquer cidadão. Isso significa que o julgamento contra Cunha poderá passar por todas as instâncias até que seja definida uma condenação.

No despacho em que recebeu a denúncia, Moro fez questão de lembrar que o MPF retirou a acusação de crime eleitoral contra Eduardo Cunha. O motivo, segundo o juiz, foi o fato de que a Justiça Federal não poderia julgar crimes eleitorais. Isso cabe apenas à Justiça Eleitoral.

Cláudia Cruz, mulher de Cunha, já responde por lavagem de dinheiro e evasão de divisas na Justiça Federal do Paraná. De acordo com as investigações, Cláudia Cruz foi favorecida, por meio de contas na Suíça, de parte de valores de propina de cerca de US$ 1,5 milhão recebida pelo marido.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - VACINAÇÃO CONTRA COVID
ESPERANÇA: Dona Maria Lopes recebeu a 1ª dose e seu Geraldo Bento a 2ª dose em Bonito (MS)
BONITO - MS - PAGODE NA CONTA
TÁ NA CONTA: Servidores já podem sacar salários em Bonito (MS)
BONITO - MS - PEDIDO EXECUTADO
População pediu e prefeitura atende, toldos são instados no ESF do Jardim Bom Viver em Bonito
Governo de Mato Grosso do Sul desmente boatos de redução de 20% nos salários dos servidores públicos  Foto: Redes sociais FAKE NEWS
Governo de MS desmente boatos de redução de 20% nos salários dos servidores públicos
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governo do Estado congela pauta fiscal da gasolina e garante economia ao consumidor
BONITO - DURANTE REUNIÃO
Protocolos que serão aplicados na reabertura da Gruta do Lago Azul são apresentados em Bonito
SEMEAGRO E CAIXA
Semagro firma convênio com a Caixa para orientar agricultores na contratação do Pronaf
VACINAÇÃO CONTRA COVID-19 EM MS
Reforço na campanha contra Covid, Ministério da Saúde envia 300 mil agulhas seringas à MS
BONITO - MS - PASSAGEM AÉREA DE FAUNA
Para evitar atropelamento de animais, 'passagem' será feita em dois pontos na região de Bonito
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Motoniveladoras entregues pelo Estado potencializam a agricultura familiar, dizem prefeitos