Menu
quarta, 24 de fevereiro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
ERA PARA SÃO PAULO

Pai tenta vender o filho de 4 meses por R$ 3 mil no Facebook

6 Out 2016 - 09h24Por Correio do Estado

Funcionários do serviço social da Prefeitura de Campo Grande descobriram hoje à tarde que um pai tentou vender o filho de 4 meses por R$ 3 mil. A negociação aconteceu por site de rede social e aplicativo de celular e o bebê seria entregue a uma estudante de direito em São Paulo.

O homem, de 26 anos, trabalhou de segurança para um candidato em São Gabriel do Oeste e está preso em Campo Grande.

A mãe do menino, de 22 anos, e a avó materna descobriram a negociação somente na noite de ontem (4). A família, que ainda é composta por uma menina de 5 anos, morava em São Gabriel do Oeste e estava de mudança para São Paulo, na tentativa de novas oportunidades. Parentes da mulher tinham conseguido trabalho para o segurança.

Na cidade do interior, eles estavam em dificuldade financeira e como o candidato que o homem trabalhou perdeu as eleições, o futuro não seria de melhorias.

Os três adultos e as duas crianças saíram da cidade do interior hoje. Antes de embarcarem no ônibus, ontem à noite (4), o pai contou a toda família sobre a venda do filho. Marido e mulher brigaram muito, segundo foi informado à Polícia Civil.

Ao chegarem em Campo Grande, eles não tinham mais dinheiro para seguirem até São Paulo. A situação deplorável fez com que ligassem para o serviço social da prefeitura para pedirem ajuda.

CHORO DE DESESPERO

Quando os servidores chegaram na rodoviária de Campo Grande para conversarem com a família, a mãe passou a chorar muito. O pai, dianto daquilo, revelou: "Eu fiz uma besteira, eu vendi meu filho", disse o segurança.

A Polícia Militar e o Conselho Tutelar foram acionados e todos foram encaminhados para a Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca) no final da tarde de hoje.

Ao delegado Paulo Sérgio Lauretto, o homem contou que procurou no Facebook uma página onde haveria anúncio para doação do bebê.

Ele encontrou um grupo e passou a negociar a adoção do filho de 4 meses. A mulher que se interessou pela criança seria uma estudante de direito. O pai aceitou entregar a criança desde que houvesse o pagamento de R$ 3 mil, que seriam como uma ajuda de custo, porque em São Gabriel a família estava com dívidas.

"Vamos agora investigar quem é essa pessoa que tratou da doação", explicou o delegado Paulo Sérgio Lauretto.

O homem de 26 anos foi fichado por prometer a entrega do filho mediante recompensa. Ele está preso e pode ser libertado mediante fiança de R$ 200. A família não tinha dinheiro para esse pagamento. 

A avó, mãe e as crianças foram encaminhadas para setor de proteção ao migrante.

Deixe seu Comentário

Leia Também

(Foto: divulgação / PRF) REGIÃO DE MIRANDA - MS
Carro com registro de roubo no RJ cai em área alagada e motorista foge na região de MIRANDA
Tiro disparado por assaltantes acertou o vidro dianteiro do motorista - Crédito: André de Abreu VÍDEO - ASSISTA
VÍDEO: Câmeras registraram tentativa de assalto que terminou com major baleado
BONITO - MS - AÇÃO DA PMA
Pecuarista é autuado por desmatamento ilegal de vegetação nativa para plantio de soja em Bonito
BONITO - MS - PASSAGEM AÉREA DE FAUNA
Para evitar atropelamento de animais, 'passagem' será feita em dois pontos na região de Bonito
Marlei Aparecida dos Santos e o filho Nickson Rosa Loveira, durante o embarque. BONITO - MS - SERVIÇO MILITAR
'Coração apertado', mãe se emociona ao entregar filho para servir o serviço militar por Bonito
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Motoniveladoras entregues pelo Estado potencializam a agricultura familiar, dizem prefeitos
LEILÃO NO MS
LEILÃO para vender bens apreendidos com o tráfico continua com lances a partir de R$ 100 reais
BONITO - MS - NA LISTA
BONITO na lista, Governo de MS entrega 28 motoniveladoras e 127 viaturas nesta segunda-feira
TRAGÉDIA NAS ESTRADAS
ACIDENTE FATAL: Passageira morre após carreta carregada de soja tombar na BR-163
Moradores colocaram areia e pedaço de metal em local onde mulher foi achada morta FEMINICÍDIO EM MS
CRUELDADE: Mulher de 47 anos é morta com facada nas costas