Menu
domingo, 16 de junho de 2024
Busca
GARAJÃO
POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL

Apreensões aumentam e PMA antecipa operação pré-piracema

1 Out 2016 - 07h58Por Campo Grande News

A PMA (Polícia Militar Ambiental) inicia amanhã (1) às 00h a Operação Pré-piracema devido ao número de apreensões crescerem demasiadamente em setembro e outubro, período de pesca aberta. Com isso, a quantidade de turistas e pescadores do Estado se intensifica, exatamente, em razão das facilidades de captura do pescado neste período.

Todos os anos, as fiscalizações são reforçadas nos rios de Mato Grosso do Sul para prevenir e reprimir a pesca predatória, tendo em vista a proximidade do período de piracema e, portanto, quando vários cardumes já se encontram formados.

Esta operação acontecia a partir do dia 25 de outubro, até um dia depois do fechamento da pesca na bacia do Rio Paraguai, dia 6 de novembro, porém, desde 2013, tem sido antecipada para o dia 1 de outubro, em razão dos problemas encontrados nos últimos dois meses de pesca aberta em todos os anos, que são setembro e outubro.

Apreensões – Este mês, 21 pescadores foram presos com 999 kg de pescado ilegal. Em comparação com o mesmo período do ano passado, 42 pescadores foram presos com 513 kg de pescado. Foram apreendidos 2800 metros de redes de pesca (petrechos proibidos) e 6.000 em setembro de 2015. Também foram autuados administrativamente 14 pescadores por falta de licença de pesca, 10 a mais se comparado com setembro do ano passado.

A Operação Pré-piracema envolverá 362 policiais, e vai englobar operação Padroeira do Brasil e a operação Dia de Finados, que são realizadas todos os anos. A pré-piracema se estenderá até o dia 6 de novembro às 8h00, permanecendo um dia depois do fechamento da pesca na Bacia do Rio Paraguai, que ocorrerá em 5 de novembro.

Os trabalhos preventivos serão intensificados durante a “Operação Pré-piracema", com participação das 25 Subunidades da PMA no Estado, que darão maior atenção à questão relativa à pesca.

Durante a operação do ano passado foram 57 autuados por crimes ambientais, sendo 26 por pesca ilegal. Foram aplicadas multas que atingiram R$ 771.780,00.

Leia Também

GMB captura 20 foragido da justiça no primeiro semestre de 2024 GMB em ação
GMB captura 20 foragido da justiça no primeiro semestre de 2024
Morador atacado com facão fica em estado grave e corre risco de perder braços em MS Grave
Morador atacado com facão fica em estado grave e corre risco de perder braços em MS
Brasileiro acaba preso por atropelar e matar mulher no Paraguai Caso de polícia
Brasileiro acaba preso por atropelar e matar mulher no Paraguai
Médico é afastado de hospital após agressão em pai de paciente em MS Caso de polícia
Médico é afastado de hospital após agressão em pai de paciente em MS
Ação rápida da GMB e PM prende dois indivíduos no Jardim Bom Viver.

ações GMB de e PM de Bonito MS
Ação rápida da GMB e PM prende dois indivíduos no Jardim Bom Viver.
Trabalhador morre soterrado durante construção de fossa em cidade de MS Trânsito
Trabalhador morre soterrado durante construção de fossa em cidade de MS
Atirador toca campainha, tenta matar morador e incendeia em MS Caso de polícia
Atirador toca campainha, tenta matar morador e incendeia em MS
Morto por ladrões, Devanir do Táxi era leal e respeitado em MS Triste
Morto por ladrões, Devanir do Táxi era leal e respeitado em MS
Morre traficante baleado em confronto com a polícia em MS Confronto
Morre traficante baleado em confronto com a polícia em MS
Pai e filha são procurados por mandar matar irmãos em MS Caso de polícia
Pai e filha são procurados por mandar matar irmãos em MS
Bonito Informa
Avenida 09 de Julho 2135 - Centro - Bonito/MS/MS
(67) 99638-6610rogerio@bonitoinforma.com.br
© Bonito Informa. Todos os Direitos Reservados.