Menu
sbado, 5 de dezembro de 2020
Busca
OKA_BONITO_ABRIL
14º título

Vai-Vai é campeã do Carnaval de SP com homenagem a maestro

9 Mar 2011 - 07h11Por Folha.com

A Vai-Vai conquistou o título de campeã do Carnaval 2011 em São Paulo com uma diferença de 0,25 da segunda colocada, a Acadêmicos do Tucuruvi. A agremiação desfilou o samba-enredo "A música venceu!" e uniu o erudito e o popular no sambódromo. Este é o 14º título da história da escola.

A escola fez 269,5 dos 300 pontos possíveis. A Acadêmicos do Tucuruvi e a Unidos de Vila Maria fizeram 269,25. Em quarto lugar ficou a Mancha Verde, com 268,75 pontos, e em quinto veio a Gaviões da Fiel, com 268,5. As escolas Nenê de Vila Matilde e Unidos do Peruche foram rebaixadas. A Peruche começou a apuração com cinco pontos a menos por ter estourado o tempo na avenida e desfilado com um carro alegórico a menos do que o mínimo exigido no regulamento.

O presidente da Acadêmicos do Tucuruvi, Hussein Abdo Eslelam, conhecido como seu Jamil, afirmou que o segundo lugar da escola foi uma vitória e que está satisfeito com o resultado. "É uma vitória moral porque a Tucuruvi é uma escola de médio porte que luta muito para estar aqui

Já o presidente da Vila Maria, Paulo Sérgio Ferreira, não gostou do resultado. A escola ficou em primeiro lugar até metade da apuração. Quando questionado sobre o que havia faltado para a agremiação, ele afirmou que não tinha faltado nada. "Faltou vergonha na cara dos jurados. A Vai-Vai correu na rua, São Silvestre na avenida, e teve cinco notas 10 em evolução".

DESFILE

O enredo da Vai-Vai fez uma homenagem ao pianista e maestro João Carlos Martins. A escola do Bixiga --que foi a sexta escola a desfilar no sábado (5), primeira noite do Carnaval de São Paulo-- foi uma das que mais empolgou o público, com alegorias gigantes e fantasias luxuosas.

O maior destaque foi a presença de Martins, ex-pianista que virou maestro após perder o movimento das mãos. Bastante emocionado, ele desfilou no alto do último carro da escola e regeu a bateria da agremiação.

O presidente da Vai-Vai, Darly Silva, conhecido como Neguitão, afirmou que a vitória da escola foi a vitória da música. "Agradeço ao meu pai Ogum e ao anjo João Carlos Martins. A escolha do enredo ajudou muito na vitória, foi uma história de superação e um desfile de superação".

Em diversos momentos da escola na avenida, elementos musicais apareceram nas roupas de algumas alas, instrumentos musicais e até no destaque que foi dado a Johann Sebastian Bach, que influenciou a carreira do maestro. Um violino fez parte da bateria.

A Vai-Vai desfilou com 3.800 integrantes, 36 alas e cinco alegorias. Camila Silva foi a rainha da bateria e Maria Rita a madrinha.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PLANTÃO POLICIAL FATALIDADE
Homem de 56 morre morre após ser acertado por objeto metálico enquanto roçava pasto
BONITO - MS - AÇÃO DO DOF
Camionete roubada e carregada com mais de 1.000 quilos de maconha em Bonito (MS)
AUXÍLIO EMERGENCIAL
CAIXA libera hoje saque retroativo do auxílio de R$ 600; veja quem recebe
Aglomeração de pessoas em festa interrompida ontem pela Guarda Civil Metropolitana, no Bairro Cidade Morena. (Foto: Assessoria GCM) CORONA FEST
Duas festas com quase 400 pessoas são encerradas pela Guarda
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governador Reinaldo Azambuja pleiteia FCO do Pantanal para recuperar prejuízos com queimadas
BONITO - MS - AÇÃO DA PMA
BONITO: PMA resgata 'jabuti' com casco dilacerado e periquito com asa ferida e gambá em pousada
Bombeiros percorrem o rio de caiaque em buscas pelo menino (Foto: Marcos Ermínio, Jornal Midiamax) DESAPARECEU NO RIO
De caiaque, bombeiros buscam há mais de 3 horas menino de 8 anos desaparecido em rio
WhatsApp Image 2020 12 04 at 18.15.25 BONITO - MS - CELULAR RECUPERADO
Polícia recupera celular roubado por adolescente após entrar em residência em Bonito (MS)
ACIDENTE FATAL
Paciente com Covid-19 e motorista morrem em acidente entre ambulância próximo a fazenda Bodoquena
NOME NO REGISTRO CIVIL
Trans comemora troca de nome com inclusão na identidade 'se sentindo cidadã'