Menu
tera, 31 de maro de 2020
BANNER ANNA
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO

Servidor público que vazar informações poderá ser punido

5 Mar 2011 - 10h43Por Agência Brasil

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou a Medida Provisória 507/10, que pune com demissão o servidor público que usar indevidamente seu direito de acesso restrito a informações protegidas por sigilo fiscal ou facilitar o acesso a pessoas não autorizadas.

No caso de quem exerce cargo comissionado, a punição será a destituição do cargo e, se a pessoa for aposentada, haverá a cassação da aposentadoria. A demissão, destituição ou cassação de aposentadoria impedirá o ex-servidor de exercer novo cargo por cinco anos em qualquer órgão ou entidade da administração pública federal.

A matéria, aprovada na forma de um Projeto de Lei de Conversão do deputado Fernando Ferro (PT-PE), será analisada ainda pelo Senado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS NO MS
Paciente internada em Dourados não resiste; Este é o primeiro óbito por Covid-19 em MS
Doações
EM BONITO: você pode contribuir para amenizar as consequências da pandemia do COVID-19!
BOA AÇÃO EM BONITO
Grupo de Jipeiros une forças e doa cestas básicas para famílias carentes de Bonito
Homenagem
Ministro da Saúde publica homenagem a amigo encontrado morto em MS
FLAGRANTE
Dois traficantes de Maracaju são presos em Dourados; eles estavam em uma moto com placa de Bonito
BODOQUENA
Homem apanha por não comprar televisão furtada, em Bodoquena
Capturada
Polícia Militar Ambiental de Coxim captura capivara no centro da cidade
ECONOMIA
Saiba se você tem direito ao auxílio de R$ 600 mensais
FLAGRANTE
Homem e uma mulher grávida são presos após furtar mercearia
COVID-19
Justiça concede prisão domiciliar ao ex-deputado federal Edson Giroto