Menu
segunda, 26 de julho de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JUNHO
DOURADOS - MS

Repórter do Diário MS é agredida por estudantes acampados na Câmara

manifestantes que ocupam a Câmara de

30 Jul 2013 - 11h00Por Diário MS

A jornalista Thalyta Andrade, repórter do Diário MS, foi agredida na tarde de ontem (29) por manifestantes que ocupam a Câmara de Dourados desde o dia 4 deste mês. Após cobrir uma reunião entre vereadores e representantes do MPPL (Movimento Popular pelo Passe Livre), a profissional teve uma folha de seu bloco e anotações arrancada à força por uma jovem a quem havia entrevistado minutos antes. Um Boletim de Ocorrência será registrado no 2º Distrito de Polícia hoje pela manhã.

Conforme a repórter, a agressão ocorreu quando já deixava o Palácio Jaguaribe, na direção do carro de reportagem. “Eu me dirigia ao carro quando fui abordada. A menina que eu entrevistei no plenarinho, chamada Caroline, me chamou, pediu para eu repetir o que tinha anotado de falas dela novamente e disse que a imprensa estava sendo muito incoerente e por isso eles tinham que tomar cuidado”, relata. “Ela estava acompanhada por três pessoas e enquanto eu respondia a outra, a que entrevistei tomou a folha”, acrescenta.

As agressoras ainda argumentaram terem o direito de praticar o ato, para que a entrevista não fosse publicada, conforme a jornalista. Essa agressão à liberdade de imprensa foi testemunhada por profissionais de outras mídias que também trabalhavam na cobertura da reunião.

Segundo Thalyta, a atitude das agressoras foi inesperada. “Fiquei estarrecida e nem tive reação. Estou indignada”, desabafa. Receosa quanto a novas agressões, a repórter procurou o 1º Distrito Policial e foi orientada a retornar hoje para o registro de um B.O (Boletim de Ocorrência) junto ao 2º DP, que tem como titular a delegada Magali Leite Cordeiro, que já investiga dano ao patrimônio público causado pelos manifestantes.

Segundo a jornalista, a agressão à liberdade de imprensa não condiz com um movimento que se intitula popular e diz lutar por direitos sociais. “É incoerente pessoas que pedem respeito às pautas que defendem não respeitarem o direito que tenho de exercer minha profissão sem censura”, diz. “Eu também sou usuária do transporte público coletivo e fui universitária até pouco tempo atrás”.

Thalyta informou que antes da agressão, quando ainda estava dentro da Câmara, ouviu integrantes do MPPL fazerem referência ao Diário MS como mentiroso. “Já tinha sido hostilizada anteriormente, mas nunca pensei que chegaria a este tipo de situação”, conta a jornalista, que acompanha desde o início a ocupação da sede do Legislativo. Ela informa que a hostilidade teve início a partir da publicação de uma matéria por ela assinada sob o título “Ocupação da Câmara vira ‘Big Brother’”, datada do dia 18 passado.

Momento em que a repórter Thalyta Andrade foi abordada; acusada de lhe tomar a folha de entrevista é 'coberta' na imagem. Foto: Eliel Oliveira/Diário MS/Reprodução

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Chico Ribeiro BONITO - MS - MAIS 210 CASAS
Governo de MS libera mais 210 casas para Bonito
VIATURAS NOVAS INVESTIMENTOS NA SEGURANÇA
Governo do Estado investe R$ 5,3 milhões e entrega 31 novas viaturas para PM e Polícia Civil
VACINA MAIS VACINA CHEGANDO
Mato Grosso do Sul recebe essa semana 112.660 doses de vacinas contra Covid-19
Foto: Filipi Brites - Ascom - Arquivo BONITO - MS - VACINAÇÃO CONTRA COVID
Bonito aplicou mais 271 doses contra Covid na última sexta-feira
PREVISÃO DO TEMPO PREVISÃO DO TEMPO
Forte frente fria traz chuva para vários estados, MS pode ter fortes rajadas de vento
PAIXÃO NACIONAL
Todos os jogos de futebol hoje do Campeonato brasileiro numa plataforma comprovada
Foto: @visitmsoficial/Alexis Prappas MS - A RETOMADA
Inscrições para auxílio de R$ 1 mil reais do Programa 'Incentiva+MS Turismo' vai até dia 08 em MS
FUNTRAB BORA TRABALHAR
Funtrab oferta 1.356 vagas de emprego em todo Estado, Miranda, Guia Lopes e Jardim na lista
FRIO PREVISÃO DO TEMPO
Julho termina com onda de frio intensa e neve, em MS mínimas podem chegar a 2º
Foto: Prefeitura de Bonito BONITO - MS - VANDALISMO NA PRAÇA
Vandalismo na Praça desperta indignação e prefeitura desenvolverá ações de fiscalização em Bonito