Menu
quinta, 18 de abril de 2024
Busca
praia parque cachoeiras

Na TV, Pedrossian defende mudança do nome de MS

O ex-governador afirmou que os tempos são outros e que o nome do Estado deve ser escolhido pelos sul-mato-grossenses

4 Mar 2011 - 11h53Por MídiaNews

Em entrevista exclusiva à TV Assembleia (Net), em Campo Grande, o ex-governador Pedro Pedrossian revelou os bastidores da criação de Mato Grosso do Sul e contou que foi ele quem sugeriu esse nome para o Estado ao então presidente Ernesto Geisel, em 1977.

Apesar de a proposta ter sido dele, hoje, Pedrossian aprova a mudança do nome de Mato Grosso do Sul. A informação é do site Midiamax.

Ex-governador dos dois Estados, Pedrossian disse que o nome já estava definido como "Campo Grande". No entanto, ele convenceu Geisel a mudar de ideia, para não desagradar os outros municípios sul-mato-grossenses.

Na entrevista à emissora do Legislativo, o ex-governador afirmou que "os tempos são outros" e que o nome do Estado deve ser escolhido pelos sul-mato-grossenses. Para ele, a alteração pode representar o encontro do Estado com a sua verdadeira identidade.

"Naquele tempo, dependia da vontade de um presidente. Podia ser A, B, C ou D, acabou sendo Mato Grosso do Sul, mas, hoje, temos um Estado com todos os órgãos funcionando”, afirmou. “Acho que essa identidade poderia começar com a mudança do nome”, completou.

Na TV, Pedrossian também revelou que era contra a divisão do Estado, por acreditar que Mato Grosso do Sul ficaria com as terras menos férteis. “A divisão aconteceu e eu não posso dizer que fui a favor”, afirmou. Ironicamente, ele é o único político a ter governado Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

Na entrevista aos jornalistas Andréa Barros e Nivaldo Mota, Pedrossian, segundo site, deu verdadeira aula de história ao falar da infância, dos sonhos, da frustração por não ter sido o 1º governador de Mato Grosso do Sul, bem como das disputas políticas. Mas, também tratou de temas muito atuais, como a proibição de shows Expogrande, por conta da Lei do Silêncio.

O ex-governador é conhecido pelas obras emblemáticas (consideradas faraônicas, à época), como o Parque dos Poderes (sede dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário), em Campo Grande, e o Parque das Nações Indígenas.

Gafe e discussão

A polêmica sobre a mudança do nome do vizinho Estado é antiga e voltou à tona em janeiro passado, após uma gafe da novela "Insensato Coração", da da Rede Globo.

No capítulo do dia 21, um diálogo entre as personagens Luciana (Fernanda Machado) e Pedro (Eriberto Leão) deu a entender que a cidade sul-mato-grossense de Bonito, a mais importante riqueza turística da região, ficaria em Mato Grosso.

Segundo o Midiamax, a troca do nome de Mato Grosso do Sul é um tema que divide opiniões: algumas autoridades acreditam que o Estado perde dinheiro com a constante confusão entre MS e Mato Grosso, outros acreditam que o Governo deveria investir mais em divulgação sem necessitar mudar de nome.

Porém, o que todos consideram essencial é realizar um debate em conjunto com a população sul-mato-grossense.

Em entrevista ao site, o governador André Puccinelli (PMDB) afirmou que aceita rediscutir a mudança de nome do Estado. Pela primeira vez, ele afirmou que admite colocar o assunto em discussão e a posição foi comentada com destaque pela imprensa de Mato Grosso.

Já sua vice, Simone Tebet (PMDB), comentou que, como cidadã é contra a mudança do nome de Mato Grosso do Sul, mas, como vice-governadora aceita o plebiscito.

O presidente da Assembleia Legislativa, Jerson Domingos, também peemedebista, se manifestou contrário à proposta. “Precisamos divulgar o nome de Mato Grosso do Sul”, opinou.

Leia Também

PM de Bonito prende motorista dirigindo embriagado e em alta velocidade Prisão em flagrante
PM de Bonito prende motorista dirigindo embriagado e em alta velocidade
Novo sistema de cadastramento para o Programa Precoce MS já está em vigor Novidade
Novo sistema de cadastramento para o Programa Precoce MS já está em vigor
Ministério Público cita lei de Paulo Corrêa para exigir prescrição médica legível em MS Política
Ministério Público cita lei de Paulo Corrêa para exigir prescrição médica legível em MS
Baleada em atentado em Ribas do Rio Pardo perde o olho direito Caso de polícia
Baleada em atentado em Ribas do Rio Pardo perde o olho direito
Mato Grosso do Sul registra 5.754 casos confirmados de dengue Boletim
Mato Grosso do Sul registra 5.754 casos confirmados de dengue
Professor é acusado pela mulher de estuprar a própria filha em cidade de MS Caso de polícia
Professor é acusado pela mulher de estuprar a própria filha em cidade de MS
Aluna escreve bilhete pedindo ajuda após ser estuprada em MS Caso de polícia
Aluna escreve bilhete pedindo ajuda após ser estuprada em MS
Governos de MS e MT e Ministério do Meio Ambiente assinam termo de proteção do Pantanal Parceria
Governos de MS e MT e Ministério do Meio Ambiente assinam termo de proteção do Pantanal
Menino de 7 anos leva tiro enquanto brincava no quintal de casa em MS Caso de polícia
Menino de 7 anos leva tiro enquanto brincava no quintal de casa em MS
Diversificação de culturas cresce, com aumento na produção de amendoim, mandioca, arroz e feijão EM MS
Diversificação de culturas cresce, com aumento na produção de amendoim, mandioca, arroz e feijão
Bonito Informa
Avenida 09 de Julho 2135 - Centro - Bonito/MS/MS
(67) 99638-6610rogerio@bonitoinforma.com.br
© Bonito Informa. Todos os Direitos Reservados.