Menu
sbado, 28 de maro de 2020
BANNER ANNA
Busca
POLONIO MEDICAL CENTER

Justiça multa CBF e ex-juiz em R$ 160 milhões

27 Fev 2011 - 12h09Por Folha.com

O ex-árbitro Edilson Pereira de Carvalho e a CBF foram condenados ontem a pagar uma multa de R$ 160 milhões. Cabe recurso da decisão, da 17ª Vara Cível da Justiça de São Paulo. 

O árbitro Edílson Pereira de Carvalho aplica cartão no jogo entre Corinthians e Santos pelo Brasileiro-2005

CBF e Edilson foram condenados devido ao caso que ficou conhecido como "máfia do apito". O ex-árbitro manipulava resultado de jogos num esquema comandado por apostadores. 

A condenação foi publicada ontem à noite pelo portal iG. A assessoria de imprensa da CBF afirmou que a entidade vai recorrer. 

A Federação Paulista de Futebol e o ex-árbitro Paulo José Danelon também foram condenados, pela mesma decisão da Justiça de São Paulo, a pagar uma multa de R$ 20 milhões. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - GUARDA MUNICIPAL E POLÍCIA MILI
Em Bonito (MS): Guarda Municipal e PM pegam pesado na fiscalização em ranchos no Águas do Miranda
CORONAVÍRUS NO MS
Homem de 21 anos é o primeiro caso confirmado de coronavírus em Dourados
Instituto de Desenvolvimento de Bonito
IDB qualifica: Instituto oferece aulas gratuitas para garçons, recepcionistas e atendentes de Bonito
AÇÃO DA PMA
Bonitense e mais 4 são preso e autuado em R$ 10,4 mil por pesca predatória e rifle, munições, barco
NOTA PREMIADA NO MS
Segundo sorteio do Programa Nota Premiada acontece neste sábado (28)
CORONAVÍRUS NO BRASIL
Senado votará na segunda auxílio de R$ 600 para trabalhadores
CORONAVÍRUS NO BRASIL
Estado de São Paulo registra 10 mortes por coronavírus em 24 horas
BONITO - MS - QUARENTENA CONTINUA
Bonito (MS) mantém decreto e continua o Toque de Recolher, comércio fechado e entrada de turistas
ATUALIZAÇÃO CORONAVÍRUS EM MS
ATUALIZAÇÃO CORONAVÍRUS: Casos confirmados sobem para 28 e suspeitos caem de 53 para 51 em MS
Atendimento
Assistência Social atende famílias em situação de vulnerabilidade, em Bonito