Menu
tera, 27 de outubro de 2020
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO

Guia sobre aves do Pantanal e do Cerrado será lançado em MS

12 Mar 2011 - 17h32Por Midiamax

 Com 1.832 espécies catalogadas, o Brasil é um dos três países com maior número de espécies de aves do mundo. O turismo de observação de aves tem mostrado um grande potencial para a economia local em diversas regiões do país, e contribui também para a conservação do meio ambiente.

Como forma de estimular as pessoas a observar e proteger a exuberante fauna de aves do Brasil, a Wildlife Conservation Society (WCS) e a Editora Horizonte lançam o Guia Aves do Brasil: Pantanal & Cerrado.

O lançamento acontece no dia 29 de março, em Miranda, durante o ‘Workshop WCS de Capacitação para Condução de Observadores de Aves no Pantanal', que acontece entre os dias 28 e 31 de março.

O workshop tem o objetivo de capacitar a mão de obra local para o atendimento de visitantes nacionais e internacionais que procuram a região para a prática de observação de aves. O curso é voltado para profissionais que já atuam em turismo, como guias, monitores e condutores. Ele tem duração de 30 horas, incluindo aulas práticas e teóricas. Mais informações pelo site www.edhorizonte.com.br ou pelo telefone (11) 3022-5599.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MIRANDA E DEMAIS CIDADES
Miranda registra mais 02 mortes por coronavírus em dia de 11 óbitos nas últimas 24h
ROTA BIOCEÂNICA
Com Rota Bioceânica, Porto Murtinho pode se tornar hub logístico em importação e exportação
COVID-19
Bonito registra mais 3 novos casos de covid-19
COVID-19
SES divulga recomendações de prevenção à Covid-19 durante feriado
POLÍCIA
Mulher esfaqueia marido após ser enforcada e agredida com socos
TRÁFICO DE DROGAS
Policiais atiram contra pneu de caminhonete que carregava maconha
Prisão
Jovem suspeito de homicídio é capturado em posse de mais de 1kg de maconha
Confronto
Homem para carro em bloqueio, desce atirando e morre em confronto com a polícia
AUDIOLIVROS
Audiolivros ganham espaço no Brasil
LESÃO CORPORAL DOLOSA
Jovem fala para casal discutir em outro lugar e é esfaqueado duas vezes, em Maracaju