Menu
domingo, 7 de junho de 2020
BANNER ANNA
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO

Dez anos após ataques nos EUA, Brasil condena excesso de poder militar no mundo

12 Set 2011 - 10h46Por Agência Brasil

Uma década depois dos ataques de 11 de setembro, o Brasil condena as práticas que vão em oposição à busca pela paz e estabilidade no mundo. Em cerimônia em Istambul, na Turquia, o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, ressaltou que o mundo atual deve buscar mecanismos de equilíbrio e condenou o que chamou de excesso de “poder militar”.

Patriota se reuniu ontem (11) com o chanceler turco, Ahmet Davuto?lu. Hoje (12) será a vez de ele se encontrar com o presidente da Turquia, Abdullah Gül. O objetivo é organizar a visita da presidenta Dilma Rousseff ao país em outubro.

Ao mencionar o episódio de 11 de setembro, o chanceler referiu-se não só aos ataques terroristas, mas também às guerras no Afeganistão e Iraque, além da crise que atinge a Líbia e a Síria. Segundo ele, as “intervenções” mostraram a incapacidade de solução de conflitos.  "O mundo unipolar acabou", disse Patriota. Segundo ele, as guerras recentes – no Afeganistão e Iraque – indicaram que há mais atores no mundo atual.

"A guerra no Iraque e no Afeganistão mostrou os limites do poder militar, país algum solitariamente pode estabelecer a direção do mundo. Nem os mais poderosos  e temos novos atores presentes", disse o chanceler, destacando a necessidade de reformar o Conselho de Segurança das Nações Unidas para até 25 membros – atualmente são 15, entre fixos e rotativos.

Patriota lembrou que nos últimos conflitos milhares de pessoas morreram, entre militares e civis. O chanceler ressaltou que só há um caminho para alcançar o desenvolvimento e o equilíbrio global: “A paz é que promove a paz. A tolerância da educação é o caminho”. De acordo com ele, o governo brasileiro é favorável ao diálogo e a soluções negociadas.

No discurso para analistas e autoridades turcas, o chanceler lembrou ainda as dificuldades por que passam vários países da África – no Chifre da África, que reúne a Somália e o Quênia, por exemplo, a fome ameaça matar milhares de pessoas, principalmente crianças e adolescentes. “É necessário garantir um sistema de estabilidade global”, disse.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FOTOS: ÁGUAS TURISMO BONITO - MS - REABERTURA
Hotel Águas de Bonito é a integração total com a natureza, reabertura 1º de julho em Bonito (MS)
Dourados continua como a cidade com mais casos de Covid-19 em Mato Grosso do Sul - CORONAVÍRUS NO MS
Dourados bate novo recorde e se aproxima de 500 casos de coronavírus
NOVO DECRETO CORONAVÍRUS NO MS
Multa será de até R$ 1.466 reais para infectado com Covid-19 descumprir quarentena
Mato Grosso do Sul tem 19 óbitos por coronavírus e 1.418 confirmados CORONAVÍRUS NO MS
Acompanhe a evolução do coronavírus em MS que registrou 135 novos casos nas últimas 24h
Já são 34 pacientes recuperados e liberados do isolamento domiciliar, Veja o Boletim de Bonito (MS) BONITO - MS - NOTÍCIA BOA
Já são 34 pacientes recuperados e liberados do isolamento domiciliar, Veja o Boletim de Bonito (MS)
Ligado na Notícia / Foto: Sidnei Bronka ACIDENTE FATAL
Ultrapassagem pode ter causado acidente que matou duas pessoas
Imagem Ilustrativa - Crédito: Wesley Ortiz/Arquivo VOLTA ÀS AULAS NO MS
Governo ainda não tem previsão se vai voltar com aulas presenciais em MS
Agentes do Depen - Imagem Ilustrativa OPORTUNIDADE
Concurso federal com salário de até R$ 6 mil encerra inscrições nesta sexta-feira
IMAGEM: ÁGUAS TURISMO BONITO - MS - NOVO DECRETO
Novo Decreto é publicado, veja o que mudou e o que continua valendo desde 1º de junho em Bonito (MS)
Consulta para saber se o CPF foi usado para requerer o Auxílio Emergencial deve ser feita no site da Dataprev - Reprodução FIQUEM ATENTOS
Veja se o seu CPF foi usado e como denunciar a fraude