Menu
domingo, 27 de setembro de 2020
Busca
ZAP INFORMÁTICA

Comissão rejeita proibição de venda de cigarro e álcool perto de escola

14 Abr 2011 - 15h18Por Agência Câmara de Notícias

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio da Câmara dos Deputados, em Brasília, rejeitou ontem, quarta-feira (13) o Projeto de Lei 3205/04, do deputado Fábio Souto (DEM-BA), que proíbe a venda de bebidas alcoólicas, cigarros e similares em estabelecimentos ou pontos de venda localizados a menos de 500 metros de escolas públicas ou particulares.

A comissão acolheu o parecer do relator, deputado Renato Molling (PP-RS), que foi contrário à proposta. “Ainda que essa intenção seja louvável, o que verificamos, na prática, é que a restrição excessiva ou o banimento de um produto traz uma imensa quantidade de fatores negativos e de desagregação social, que vão desde a violação generalizada da norma até a formação de um submundo de criminalidade associada à sua produção e distribuição”, disse ele.

O relator lembrou que os produtos citados no projeto são lícitos e sua comercialização é constitucionalmente assegurada, sujeita às restrições impostas por lei federal quanto à sua propaganda comercial e venda para menores.

“Além do aspecto legal, deve ser considerado que a proibição de venda em algumas áreas próximas às escolas acabaria por impedir, em longa extensão, a existência de estabelecimentos autorizados a vender os produtos em questão. A proibição somente beneficiaria a comercialização informal, no caso dos derivados de tabaco e congêneres, através de camelôs em detrimento do comerciante legalmente estabelecido. Isto prejudicaria não só o comércio, mas também a indústria e o próprio consumidor final”, acrescentou.

Para o autor, Fábio Souto, a venda de bebidas alcoólicas e cigarros em locais de fácil acesso a estudantes estimula a aquisição e consumo de itens nocivos à saúde, causadores de vícios, além de ensejarem conflitos, agressões e acidentes de trânsito por embriaguez, bem como criarem condições favoráveis ao consumo de drogas ilícitas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Colisão entre caminhão e carreta mata uma pessoa na BR-262
BONITO - MS - VAI COMEÇAR
Confira os nomes dos 115 candidatos a vereadores e números de cada um em Bonito
BONITO - MS - GUARDA MUNICIPAL
Guarda Municipal apreende 3 menores autores de furto a farmácia no centro em Bonito (MS)
BONITO - MS -
BORA PRA BONITO: Promoção relâmpago de passeio e hospedagem, confira aqui
FATALIDADE
Homem morre ao bater moto de frente com caminhonete da patroa em MS
Mato Grosso do Sul tem 19 óbitos por coronavírus e 1.418 confirmados CORONAVÍRUS NO MS
Com 15 mortes nas últimas 24h, número de casos de covid continua alto e médias são preocupantes
Secretário estadual, Eduardo Riedel, disse que o governo trabalha com equilíbrio fiscal para manter o planejamento - Valdenir Rezende/Correio do Estado 13º GARANTIDO
Governo de MS e prefeitura garantem 13° salário em ano marcado pela pandemia e crise financeira
Caminhão desceu a ribanceira; outros motoristas recolheram alimentos espalhados no local (Foto: Direto das Ruas) - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS DOURADENSE MORREU
Caminhão cai em ribanceira e douradense morre na Serra de Maracaju
BONITO - MS - VACINAÇÃO CANINA
Dia D contra raiva acontece neste sábado, veja os pontos de vacinação em Bonito (MS)
FOGO NO PANTANAL
Setembro já é o mês com maior número de focos de incêndio no Pantanal desde 1998