Menu
BANNER ANNA
quarta, 26 de fevereiro de 2020
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO

Brasileiros resgatados na região afetada por terremoto estão em Tóquio

16 Mar 2011 - 14h12Por Folha.com

Um comboio organizado pelo Itamaraty para retirada de brasileiros de Sendai e Fukushima chegou na manhã desta quarta-feira (noite no horário do Japão) na capital do país.

Segundo o Ministério de Relações Exteriores, foram levados 25 brasileiros até Tóquio. Eles estavam em Sendai, região mais atingida pelos terremotos e tsunami, e em Fukushima, próximo da usina nuclear que apresenta vazamento.

Foram usados na viagem dois ônibus, um caminhão para levar as bagagens e uma van de apoio. Os veículos foram cedidos pelo empresário Walter Saito, que ajuda a coordenar o resgate.

O Itamaraty informou que identificou um grupo de brasileiros que está na região atingida que também quer ir para Tóquio. Por isso, o ministério vai organizar uma segunda viagem na sexta-feira. O ministério ainda não sabe o número de pessoas que poderá embarcar no segundo resgate.

As despesas da viagem foram pagas pelo Itamaraty.

ABRIGOS

O Itamaraty disse que a embaixada brasileira em Tóquio montou um esquema de plantão para atender cidadãos afetados pela tragédia. Além disso, consulados itinerantes estariam levando mantimentos para os brasileiros e transferindo os mais afetados para áreas de menor risco.

O site do consulado do Brasil em Tóquio traz uma lista de abrigos em diversas cidades do Japão, que podem ser consultados no endereço http://www.consbrasil.org/consulado/. A relação traz escolas e centros comunitários que estão recebendo desabrigados no país.

Os contatos do consulado do Brasil em Tóquio são 03-5488-5665 (a partir do Brasil, ligue 00-XX-81-3-5488-5665) ou 050-6860-6242.

O e-mail do Setor de Assistência a Brasileiros é assistencia@consbrasil.org.

O Consulado-Geral também pode ser contactado, em casos de emergência, pelo telefone celular 090-6949-5328.

O Itamaraty também afirma que não há planos de realizar a retirada em massa de brasileiros do Japão, mas lembrou que aqueles que quiserem deixar o país podem fazê-lo com seus próprios meios.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COISAS DO MS
Sucuri de 7 metros é capturada por moradores na rua e vira assunto na cidade em MS
BONITO - MS - CARNAVAL ILEGAL
BONITO: Polícia fecha festa sem alvará e prende responsável por fornecer bebida alcoólica a menores
AÇÃO DA PMA
PMA autua dono de rancho pescando no rio durante a piracema
ETANOL MAIS BARATO
Com redução do imposto, Etanol fica em média R$ 9 centavos mais barato em MS
DROGAS
Caminhão com 400 kg de maconha que saiu de MS e apreendido em Brasília
INSCRIÇÕES
Programa Vale Universidade recebe inscrições no dia 3 de março
Achado de cadáver
Bombeiros localizam corpo de jovem que havia desaparecido em rio de MS
Campo Grande
Bebê nasce sem ânus em Campo Grande e família busca vaga para cirurgia
Capotamento
Caminhonete capota após aquaplanar na BR-359 em Coxim
ATENTADO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista