Menu
quinta, 28 de outubro de 2021
Busca
BONITO ÁGUAS GREEN WEEK
PISO SALARIAL

Governo federal anuncia aumento do piso dos professores

Também foi anunciado o lançamento do Prêmio Nacional das Artes

17 Jan 2020 - 07h53Por Redação/Agência Brasil

O presidente da República, Jair Bolsonaro, e o ministro da Educação, Abraham Weintraub, anunciaram por meio de live (transmissão ao vivo) em rede social o aumento de 12,84% do piso salarial previsto no Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Segundo Weintraub, o reajuste anunciado “é o maior aumento em reais desde 2009.”

O ajuste, acima da inflação de 2019 (4,31%), corresponde às expectativas da Confederação Nacional de Municípios (CNM) que já havia previsto o valor mínimo do magistério passaria de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,24. Há expectativa entre gestores municipais que uma nova lei sobre o Fundeb seja criada este ano. A lei atual só prevê a manutenção do fundo até este ano. O Ministério da Educação prepara proposta com novas regras.

Durante a live o presidente também anunciou, ao lado do secretário de Cultura Roberto Alvim, o lançamento do Prêmio Nacional das Artes que irá destinar mais de R$ 20 milhões para produção artística nas cinco grandes regiões brasileiras.

O prêmio terá sete categorias, eruditas e populares, e prevê a seleção de cinco óperas, 25 espetáculos teatrais, 25 exposições individuais de pintura e 25 exposição de escultura, 25 contos inéditos, 25 CDs musicais originais e até 15 propostas de histórias em quadrinhos.

O edital será publicado na próxima semana no Diário Oficial da União e no site da Secretaria Especial da Cultura. O repasse de recursos entre as regiões será dividido de forma igual.

Durante a transmissão, o presidente também comentou a queda histórica dos juros básico da economia, Taxa Selic a 4,5% ao ano e a esperada redução da dívida pública com a baixa dos juros. O presidente salientou a redução dos custos de empréstimos da Caixa Econômica Federal e a diminuição de pessoas inadimplentes. Bolsonaro salientou que a queda de juros ocorre “sem canetada” e “sem interferência”, mas por causa do ambiente de recuperação econômica.

O presidente comemorou a prioridade anunciada pelo governo dos Estados Unidos para que o Brasil se torne membro da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e lembrou a edição de nova medida provisória que ajusta o salário mínimo dos atuais R$ 1.039 para R$ 1.045.

Além do ministro da Educação e do secretário de Cultura, participou da transmissão o secretário de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif Junior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Governador anuncia mais 34 escolas de tempo integral na rede estadual de ensino a partir de 2022
BONITO - PRESENTE NO LANÇAMENTO
BONITO presente: Prefeito e secretária participam do Lançamento do Programa MS Alfabetiza
EDUCAÇÃO DE QUALIDADE
SED renova parceria com plataforma que oferece cursos gratuitos para professores
Assessoria de Comunicação UEMS EDUCAÇÃO DE QUALIDADE
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
CONCURSO DE DESENHO
De iPhone Apple 12 Pro a Nintendo são os prêmios do concurso de desenho, veja como participar
244977902_7026987893993264_4083874121306953071_n VOCÊ JÁ CONHECE BONITO???
BONITO se torna a cidade turística mais procurada de MS, diz Associação de Viagens
UEMS - EDITAL
UEMS publica Edital com vagas para Transferência Externa, confira o cronograma
Simulacro foi recolhido pela polícia - Crédito: Rádio Caçula PÂNICO EM ESCOLA
PÂNICO EM ESCOLA: Adolescente entra com arma de brinquedo em escola em MS
PROCESSO SELETIVO
PRORROGADO prazo para se inscrever no processo seletivo com 250 vagas para estagiários no governo
BONITO - MS - NOVOS UNIFORMES
Projeto Movimente-se recebe novos uniformes em Bonito (MS)