Menu
quinta, 25 de fevereiro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
BONITO - MS - ÁGUAS DO MIRANDA

Governo executa serviço que colocará quilombolas em nova área livre de enchentes em BONITO

23 Ago 2016 - 09h09Por Portal da Educativa

Em continuidade das ações articuladas pelo Governo do Estado, por meio da Subsecretaria de Políticas Públicas para Promoção da Igualdade Racial e Cidadania (Subpirc) e Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer), em parceria com o município de Bonito, a Comunidade Negra Quilombola Águas do Miranda, recebeu os técnicos da Agraer para execução do georreferenciamento de seus novos lotes.

A comunidade, localizada na extremidade nordeste do município, distante a 300 quilômetros de Campo Grande, margeando o rio que dá nome ao lugar, será deslocada para a nova área devido a enchentes do rio Miranda, que afeta a comunidade há anos

“Estamos batalhando por isso há muito tempo e agora com a execução do georreferenciamento pelo Governo poderemos adentrar com segurança em nossa nova área, nos livrando das enchentes e aproximando ainda mais nossa comunidade”, comemorou o líder da associação, professor Valdecir Amorim.

O novo local, doado pelo poder executivo de Bonito, conta com 11 hectares e abrigará aproximadamente 60 remanescentes de quilombo, com espaço reservado para uso comum e igreja.

O titular da Subpirc – pasta ligada à Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), Carlos Versoza, acompanhou de perto as ações e destacou que a articulação entre as esferas de governo possibilitará ainda mais melhorias para a comunidade.

“Fomos prontamente atendidos pela Agraer nesse pedido para o georreferenciamento da área e ainda vamos buscar parcerias com outros órgãos da esfera estadual  e também na federal, para viabilizar moradias para eles nesses novos lotes”, pontuou.

O serviço de mapeamento da área está sendo executado pelos engenheiros da Agraer, Flávio Pereira e Claudio Nunes, ambos da Gerência de Regularização Fundiária. De acordo com os técnicos é necessária a conferência exata da localização para que a divisão da área e a posterior demarcação dos terrenos seja correta. O relatório final do serviço será encaminhado ao município de Bonito que procederá a ocupação pelas famílias.

Quilombolas de Águas do Miranda

Representada pelo griot – indivíduo que tem o compromisso de preservar e transmitir histórias, fatos históricos e os conhecimentos e as canções de um povo – Amaurílio Modesto, 77 anos, conta que a comunidade surgiu em meados da década de 1950, quando ele veio da Bahia para trabalhar em fazendas do Estado.

Mais tarde também vieram família de Alagoas e Minas Gerais que integraram comunidade, se instalando no local e também em Anastácio e Nioaque. Hoje, as famílias da região sobrevivem da venda do pescado e da agricultura familiar.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Belas cachoeiras estão entre os vários atrativos do Parque Nacional da Serra da Bodoquena (Foto: Divugação/ICMBio) TURISMO EM MS
Parque da Bodoquena entra na lista de concessões para o turismo
Fotos: Arquivo Instituto Paulo Machado GASTRONOMIA SUL-MATO-GROSSENSE
Turistas estrangeiros avaliam gastronomia sul-mato-grossense como a melhor do Brasil
BONITO E REGIÃO - MS
INSCRIÇÕES ABERTAS: Curso para Guias que trabalham em Bonito e região organizado pela USP
BONITO - MS - AÇÕES
Distrito Águas do Miranda, Pesqueiro do Noé e região recebem 400 mudas doadas para plantio
Instituto de Desenvolvimento de Bonito
IDB INFORMA: Carol Nakamura e marido visitam Bonito e se encantam com as belezas da cidade
Rio Miranda percorre aproximadamente 490km - Álvaro Rezende RIO MIRANDA - ALERTA
Rio Miranda continua sob alerta e situação ainda é crítica em Mato Grosso do Sul
BORA PRA BONITO?
VEM PRA BONITO?: O melhor do verão acontece aqui e ainda mais com TARIFAS REDUZIDAS, confira
BONITO - DURANTE REUNIÃO
Protocolos que serão aplicados na reabertura da Gruta do Lago Azul são apresentados em Bonito
À esquerda, Patrícia Ribeiro (Diretora Executiva do Hospital Municipal de Naviraí), Josemar Tomazell COLAPSO NA SAÚDE
Com 100% Leitos ocupados, prefeitura de MS já admite a possibilidade de decidir por Lockdown
SEMEAGRO E CAIXA
Semagro firma convênio com a Caixa para orientar agricultores na contratação do Pronaf