Menu
BANNER ANNA
tera, 12 de novembro de 2019
Busca
agencia

Tesoureira é acusada de desviar R$ 670 mil da Prefeitura de Rio Brilhante

1 Mar 2011 - 11h13Por Campo Grande News

Após 18 anos trabalhando com o prefeito Donato Lopes, a tesoureira Rosélia Machado foi demitida na última sexta-feira da Prefeitura de Rio Brilhante, acusada de desviar R$ 670 mil dos cofres públicos. “Foi a maior tristeza, uma traição”, disse o chefe do Executivo.

De acordo com Donato, a tesoureira desviava recursos da prefeitura há mais de um ano. “Ela desviava de R$ 30 mil a R$ 40 mil por mês, desde outubro de 2009”, afirma.

O prefeito contou que começou a suspeitar da tesoureira quando percebeu que o padrão de vida dela mudou.

Mas o esquema só foi descoberto porque em dezembro ela tirou férias. “Se ela não tivesse entrado de férias, até hoje não teríamos descoberto”, disse o prefeito.

Donato entrou com uma ação judicial com pedido de liminar para bloquear os bens da ex-servidora comissionada.

Agora, a Prefeitura contratará uma auditoria externa. “Quem participou ou foi negligente vai ser afastado”, garante o prefeito.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - TÁ NA CONTA
Prefeitura efetua o pagamento da primeira parcela do 13º salário em Bonito (MS)
CPI INSTAURADA CONTRA ENERGISA
Instaurada na Assembleia, CPI que vai investigar aumento na energia elétrica em MS
MEDIDA PROVISÓRIA
MP altera jornada de trabalho de bancários e permite abertura de agências aos sábados
BONITO - MS - EMPOSSADO
Prefeito dá posse a mais um aprovado no concurso público em Bonito (MS)
ECONOMIA
Setor de serviços cresce 1,2% em setembro, aponta IBGE
Policial
Morre bebê vítima de acidente causado por PM e família doa órgãos
Abusador
Homem é preso em flagrante por passar a mão nas partes íntimas de diarista
VIAS DE FATO
Homens brigam e pedrada quase atinge bebê, em Bodoquena
FATALIDADE
Homem morre em hospital depois de ter 80% do corpo queimado em cidade de MS
ROMANCE
Saiba quem é Beatriz Coelho, a namorada de Camila Pitanga