Menu
BANNER ANNA
quinta, 23 de janeiro de 2020
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO

Servidor público que vazar informações poderá ser punido

5 Mar 2011 - 10h43Por Agência Brasil

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou a Medida Provisória 507/10, que pune com demissão o servidor público que usar indevidamente seu direito de acesso restrito a informações protegidas por sigilo fiscal ou facilitar o acesso a pessoas não autorizadas.

No caso de quem exerce cargo comissionado, a punição será a destituição do cargo e, se a pessoa for aposentada, haverá a cassação da aposentadoria. A demissão, destituição ou cassação de aposentadoria impedirá o ex-servidor de exercer novo cargo por cinco anos em qualquer órgão ou entidade da administração pública federal.

A matéria, aprovada na forma de um Projeto de Lei de Conversão do deputado Fernando Ferro (PT-PE), será analisada ainda pelo Senado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTUPRO
Construtor estupra enteada de 12 anos após trancar esposa em cômodo de casa
PEDOFILIA
Polícia prende pedófilo após pai se passar pela criança em conversa no WhatsApp
PRESO
Suspeito de matar homem esfaqueado no pescoço é preso em Dourados
Júri
Acusado de matar com 15 facadas é condenado a 1 ano de prisão e multa
OPORTUNIDADE
Prefeitura de Caracol abre seleção para professores de ensino fundamental
Assassinato
Homem morre após ser atingido por facada no pescoço em bairro de Dourados
Ferido
Homem fica ferido ao tentar segurar carroceria de caminhão com a perna
Achado de cadáver
Adolescente desaparecida foi encontrada morta e enterrada na casa de traficante em MS
Novas placas
Placa do Mercosul não será exigida em caso de troca de município
Sorteio
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 35 milhões nesta quinta-feira