Menu
ITALÍNEA DOURADOS
segunda, 15 de outubro de 2018
KAGIVA
Busca

Empresas de transporte de passageiros de Bonito participam do programa "Viagem Feliz"

23 Ago 2011 - 15h02Por Boni Miranda/Bonito Informa/Assessoria

A Viação Cruzeiro do Sul - na linha Campo Grande/Bonito; a Empresa de Transportes Andorinha, na linha Campo Grande/Corumbá; vans de transporte turístico de Bonito e de Corumbá além de duas cooperativas de transporte regular e turístico participarão do programa “Viagem Feliz - Segurança, Conforto e Cortesia nas viagens”, que será lançado no dia 24 de agosto próximo pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul (Agepan).

O programa tem como objetivo promover a melhoria no atendimento ao passageiro do transporte rodoviário intermunicipal de passageiros mediante a qualificação dos colaboradores das operadoras de transporte intermunicipal de passageiros e das vans de transporte turístico (motoristas, cobradores, agentes de venda de passagem), incluindo os administradores de terminais rodoviários, o corpo de fiscalização e pessoal de Ouvidoria da Agepan.

No lançamento do programa, será assinado um Termo de Cooperação entre a Agepan e a Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (Fundtur), e quatro Termos de Adesão entre a Agência, a Fundtur e as Operadoras de Transporte de Passageiros no Estado.

A criação do Programa “Viagem Feliz” foi inspirada no Programa “Parada Legal”, e teve como base o esperado incremento de turistas por conta dos eventos esportivos internacionais que acontecerão no Brasil nos próximos anos e a necessidade de melhorar a qualidade dos serviços prestados aos usuários do transporte coletivo de passageiros. O “Viagem Feliz” complementa as ações do “Parada Legal” – parceria da Fundtur e Ministério do Turismo para qualificação e melhoria de produtos e serviços em rotas turísticas -, estendendo o foco de melhoria no atendimento também ao turista que viajar utilizando o transporte regular de passageiros.

Qualificação

A qualificação do pessoal será feita abordando dois focos principais: Atendimento ao Usuário dos Serviços, e Manutenção dos Veículos (preventiva e durante a viagem). A iniciativa vai beneficiar de forma geral os passageiros das linhas em que o programa está sendo implementado.

A realização do programa terá a cooperação da Fundtur na qualificação do pessoal envolvido, no quesito Atendimento ao Usuário. A Fundação vai disponibilizar equipe especializada para a capacitação. As operadoras do transporte de passageiros envolvidas elegerão um Ponto de Parada que faça parte do “Programa Parada Legal” para suas paradas com os passageiros.

No quesito “Manutenção dos Veículos” a qualificação será feita por equipe especializada da Agepan. A Agência vai criar, via ato normativo, o Selo de Qualidade “Viagem Feliz”, que será concedido às empresas de transporte de passageiros que aderirem ao programa e participarem dos treinamentos. Já a continuidade do uso do selo de qualidade dependerá da manutenção das condições da prestação dos serviços aos usuários, conforme menciona o programa.

A implementação e o acompanhamento do Programa “Viagem Feliz” é de até dois anos, com monitoramento por parte da Agepan e poderá ser estendido para outras linhas que atendem o Estado de Mato Grosso do Sul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DESAPARECEU
Servidora pública com depressão desaparece e preocupa família
PESQUISA IBOPE PARA PRESIDENTE
IBOPE: Para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%
BONITO - MS - RIO MIRANDA
Em Bonito, Rio Miranda volta ao nível normal e Defesa Civil monitora as regiões mais afetadas
MUNDO DA TV
Com paralisia, Liminha segue internado e sem previsão de alta
ENTRETENIMENTO
Na reta final de “Sol”, Remy descobrirá que é tio da Karola
ANIMAIS COM VONTADE DE VIVER
Cachorro com câncer anda em balão, toma sorvete e acampa
AÇÕES DO GOVENO DO MS
Caravana da Saúde salvou e continuará salvando vidas, diz Reinaldo Azambuja
VENDAVAL NO MS
Vendaval destelha barracão e danifica máquinas agrícolas em fazenda
OPORTUNIDADES NO MS
Concursos em MS oferecem mais de 1,9 mil vagas e salários até R$ 8,6 mil
ELEIÇÕES 2018 - ARTICULAÇÕES
Odilon Jr. visitou Puccinelli na prisão antes de apoio do MDB