Menu
quarta, 3 de maro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
BONITO - MS - INTEGRANDO REGIÕES

Corredor de integração vai interligar Porto Murtinho, Coxim, Corumbá e BONITO

29 Abr 2017 - 09h27Por Correio do Estado

O Governo do Estado planeja a estruturação de vias para formação de corredor de integração ligando as regiões de Bonito, Porto Murtinho, Corumbá e Coxim.

Apesar de já realizar algumas obras de cascalhamento e construção de pontes, o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, afirma que o projeto é a longo prazo, considerando as dificuldades na execução das obras pelas condições do terreno e a disponibilidade de recursos, captados via Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário de Mato Grosso do Sul (Fundersul).

O projeto tem como objetivo beneficiar o turismo e a produção pecuária dos pantanais do Nabileque, Nhecolândia e Taquari.

Conforme Miglioli, o governo tomou a decisão de investir nesta malha por acreditar que uma rota neste trajeto será estratégica para o setor turístico. “Os turistas poderão sair de Bonito, cruzar o Pantanal e chegar até Corumbá. Além disso, a implantação e manutenção desses acessos irá beneficiar grandemente a comunidade e os produtos da região”, disse.

Ponte de madeira no córrego Sape, entre Bonito e Corumbá. Foto: Edemir Rodrigues/Governo do Estado

 

INTERVENÇÕES

Algumas intervenções estruturais já estão sendo realizadas na região pela Agência Estadual de Gestão de Empreendimento (Agesul), como revestimento primário na MS-228, MS-423 e MS-214.

Conforme o secretário, o governo pactua com a mineradora Vale para fornecimento de expurgos de minério para compactar um trecho de 40 km na região da Nhumirim (MS-228).

A partir de Bonito, a Agesul implanta base primária nas MS-185, MS-458 e MS-382, descendo a Serra da Bodoquena até o Rio Naitaca (Fazenda Firme), limite de Porto Murtinho com Corumbá, onde o governo reconstruiu a ponte de madeira de 120 metros. Esta ligação beneficia as fazendas de gado e as aldeias indígenas dos Kadiweus, como São João, Barro Preto e Tomásia, e a Ilha de Nabileque.

A partir do acesso pelo Naitaca, as obras rodoviárias chegam à MS-195, no Pantanal do Nabileque, onde foram encascalhados 92 km.

O corredor projetado pelo Governo do Estado segue por mais 85 km pelas MS-243, que tem um trecho de 29 km em execução, e a MS-325 (Carandazal), em manutenção permanente pela Agesul, até a BR-262 (Buraco das Piranhas), onde se interliga à MS-184 (Estrada-Parque), Pantanal da Nhecolândia, em Corumbá.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TURISMO NO MS
Fundtur e IPF MS farão estudo inédito sobre a cadeia do turismo em Mato Grosso do Sul
VEM PRA BONITO - MS
VEM PRA BONITO?, Reserve os seus passeios com parcelas em até 10x SEM JUROS, confira
Cristiana Oliveira planta sua primeira árvore em balneário de Bonito  Foto: Redes sociais BONITO - MS - JUMA DO PANTANAL
"Povo hospitaleiro, receptivo e amoroso", disse Cristiana Oliveira durante ação social em Bonito MS
BONITO - MS - DESTAQUE NA VEJA
BONITO (MS) é destaque na Edição da VEJA como turismo seguro e adaptado em tempo de pandemia
Belas cachoeiras estão entre os vários atrativos do Parque Nacional da Serra da Bodoquena (Foto: Divugação/ICMBio) TURISMO EM MS
Parque da Bodoquena entra na lista de concessões para o turismo
Fotos: Arquivo Instituto Paulo Machado GASTRONOMIA SUL-MATO-GROSSENSE
Turistas estrangeiros avaliam gastronomia sul-mato-grossense como a melhor do Brasil
BONITO E REGIÃO - MS
INSCRIÇÕES ABERTAS: Curso para Guias que trabalham em Bonito e região organizado pela USP
BORA PRA BONITO?
VEM PRA BONITO?: O melhor do verão acontece aqui e ainda mais com TARIFAS REDUZIDAS, confira
BONITO - DURANTE REUNIÃO
Protocolos que serão aplicados na reabertura da Gruta do Lago Azul são apresentados em Bonito
TURISMO EM MS
Fundtur assina termos de colaboração com selecionados em editais de apoio ao fomento do turismo