Menu
sexta, 16 de abril de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
FAKE NEWS

SES desmente fake news e esclarece vídeo de camas hospitalares guardadas no Albano Franco

Um vídeo gravado dentro do Centro de Convenções Albano Franco mostrando

2 Mar 2021 - 07h29Por A ONÇA

Um vídeo gravado dentro do Centro de Convenções Albano Franco mostrando macas e materiais da Secretaria Estadual de Saúde foi divulgado como se fossem leitos desmontados. As imagens foram divulgadas hoje (1) após o homem, que não se identifica no vídeo, afirmou que aqui estamos em lockdown, enquanto o Governo Federal envia dinheiro. 

O vídeo não será reproduzido pela nossa reportagem, que tem o compromisso com a verdade e o esclarecimento dos fatos. 

Em nota, a Secretaria de Estado de Saúde esclareceu que o Centro de Convenções Albano Franco, em Campo Grande tem parte de seu espaço utilizado como depósito para EPI’s (Equipamentos de Proteção Individual), tanto aqueles adquiridos pelo governo do Estado quanto para os que foram doados por empresas.

“Naquele local, cedido gentilmente pela FIEMS (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul) como parte da parceria de trabalho no combate à Covid-19, estão armazenados, por exemplo, aventais, máscaras, luvas, etc, que são destinados, à medida do necessário, para as demandas de hospitais e municípios, tanto da capital quanto do interior”, explicaram na nota que ainda pontou que o local também está servindo de depósito das camas hospitalares que foram utilizadas, no ano passado, para a montagem dos hospitais de campanha em Campo Grande (no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul – HRMS) e em Ponta Porã (Hospital Regional Dr. José de Simone Netto).

Ainda segundo a informação da SES, as duas estruturas foram desativadas ainda no ano passado e as camas hospitalares estão agora depositadas no espaço do Centro de Convenções, tendo em vista judicialização do pagamento das mesmas que encontra-se em andamento.

“A Secretaria de Estado de Saúde esclarece, ainda, que os recursos próprios do Estado, ou mesmo as transferências do governo federal são utilizados de forma responsável e transparente, tanto que os repasses federais para tratamento da Covid-19 foram encaminhados aos municípios ou utilizados na compra de equipamentos para distribuição a unidades hospitalares no combate à Covid-19, tendo os valores ou aquisições sido amplamente divulgados por ocasião dos pagamentos”, finalizaram.

O Governo do Estado informou que não foi divulgada o autor do vídeo e que a divulgação está sendo investigada. 

É preciso lembrar ainda que, leitos não se fazem só de macas e equipamentos, mas também de pessoas, médicos, enfermeiros, técnicos, fisioterapeutas, terapeutas em geral, servidores da saúde e que estas pessoas estão morrendo na linha de frente contra a COVID-19.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CHEGOU MAIS VACINA AO MS
CHEGOU: 13º lote com 77,9 mil doses da vacina contra Covid e já começa a distribuição aos municípios
luto ÓBITOS POR COVID EM MS
Bebê de menos de 1 ano e um adolescente de 15 anos estão entre as 50 mortes nas últimas 24h em MS
Foto: Toninho Souza/Assessoria deputado Renato Câmara AÇÕES DEPUTADO RENATO CÂMARA
Renato Câmara apresenta indicação para reinserção de pessoas com sequelas da Covid-19
BONITO - MS - PROTEÇÃO CONTRA COVID
SAS faz distribuição de máscaras de proteção e álcool em gel para famílias do SCFV em Bonito
BONITO E MAIS 44 CIDADES
BONITO e mais 46 cidades continuam na bandeira VERMELHA, veja o mapa e o TOQUE DE RECOLHER
MAIS VACINAS CHEGANDO
Mato Grosso do Sul recebe 13º lote com 77,9 mil doses da vacina contra Covid-19
LUTO BONITO BONITO - MS - LUTO
Em dia de 65 mortes em MS, mais 01 óbito é registrado nas últimas 24h, veja o boletim em Bonito (MS)
BOLSA FAMÍLIA 2021
BOLSA FAMÍLIA terá 3 novos valores até julho; veja quanto
VACINA PARA O MS
Decisão do STF abre possibilidade de Mato Grosso do Sul comprar vacina Sputinik e acelerar vacinação
Mini usina de oxigênio alugada pela prefeitura de Rio Negro (Foto: Divulgação/Prefeitura de Rio Negro) FALTA DE OXIGÊNIO
GUIA LOPES e mais 07 municípios de MS relatam dificuldade no abastecimento de oxigênio