Menu
quarta, 3 de maro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
SUBSTÂNCIA CANCERÍGENA

Anvisa proíbe venda de paçoca por alto teor de substância cancerígena

20 Mar 2017 - 19h00Por ESTADÃO

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) interditou nesta segunda-feira, 20, um lote de paçoca rolha da marca Dicel, produzida em Goiânia (GO). Os produtos interditados excediam o limite permitido de aflatoxinas, substâncias tóxicas produzidas por fungos que podem causar câncer.

Segundo a resolução, o lote 0027, fabricado em 18 de novembro do ano passado, com validade até 18 de novembro deste ano, estava impróprio para o consumo. O alimento é distribuído pela Indústria e Logística Westhonklauss Constante Ltda.

O laudo do Laboratório de Análise Micotoxicológicas, em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, atestou teores de aflatoxinas acima do limite máximo tolerado para amendoim com casca, descascado, cru ou tostado, pasta de amendoim ou manteiga de amendoim.

A interdição vale para todo o território nacional.

Procurada, a Dicel informou que não havia sido notificada sobre a interdição. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALERTA NO MS
ALERTA: Confirmado primeiro caso da variante de Manaus no MS
BONITO - MS - PROJETO
Projeto Movimente Seu Bairro realiza programação em comemoração a semana da mulher em Bonito
MAIS VACINAS CHEGANDO
Ministério da Saúde envia sexta remessa com 27,8 mil doses de vacina contra o coronavírus para MS
luto CORONAVÍRUS EM MS
Mais 20 famílias choram em dia que covid tira a vida de homem de 32 anos em MS
FAKE NEWS
SES desmente fake news e esclarece vídeo de camas hospitalares guardadas no Albano Franco
Foto: Divulgação | Prefeitura de Laguna Carapã COMBATE AO CORONAVÍRUS
Para conter Covid-19, cidade de MS mantém proibição de eventos e até de sinuca
LUTO NO JORNALISMO
LUTO NO JORNALISMO: Morre fotojornalista do Correio do Estado, Valdenir Rezende
BONITO - MS - VACINAÇÃO CONTRA COVID
ESPERANÇA: Dona Maria Lopes recebeu a 1ª dose e seu Geraldo Bento a 2ª dose em Bonito (MS)
Até na chuva clamor por médico é realizado - Crédito: Reprodução Facebook LUTA PELA VIDA
LUTA CONTRA COVID: Médico em estado grave recebe orações diárias em frente a hospital em MS
OPORTUNIDADE
UEMS abre inscrições para a seleção de professor temporário para curso de Medicina