Menu
quinta, 26 de novembro de 2020
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
Policial

Polícia Civil identifica e autua em flagrante suspeito de maus tratos a cachorro em pesqueiro

O cachorro ficava amarrado em uma corrente envolta diretamente no seu pescoço

23 Out 2020 - 09h20Por Anna Gomes/Bonito Informa
A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista – Decat, identificou e autuou em flagrante, um suspeito de maus tratos a um cachorro, na Chácara Água Bonita - Pesqueiro Bom Jesus, prolongamento da rua Mãe Menininha do Cantois, zona rural do Município de Campo Grande, em uma região próxima ao bairro Tarcila do Amaral.
 
O suspeito, de 62 anos, mantinha um cachorro de porte grande, cor preta, sem raça definida, com aproximadamente três anos de idade, amarrado em uma corrente envolta diretamente no seu pescoço.
 
No local, os policiais constataram que o cão não dispunha de água potável em condições adequadas para consumo e nem de abrigo, uma vez que a pequena caixa d´água de amianto improvisada pelo tutor e destinada a tal fim, era desproporcional ao seu tamanho. O cão ficava exposto constantemente a todos os tipos de intempéries (frio, vento, chuva e calor etc), e era mantido segregado e amarrado à beira de mata ciliar que permeia a chácara, há pelo menos oito meses, como forma de alertar quanto à aproximação indesejada através da mata de eventuais criminosos. 
 
Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, diante dos indícios de autoria e materialidade, e considerando que a situação impunha sofrimento contínuo, ininterrupto e injustificável ao cachorro, o suspeito recebeu voz de prisão e foi conduzido à sede da Decat e autuado em flagrante delito por infração à norma do artigo 32, § 1º-A da Lei 9.605/98, cuja pena prevista é de 2 a 5 anos de reclusão. 
 
A Polícia Civil salienta que por ser a pena máxima da infração penal superior a quatro anos, não ocorreu arbitramento de fiança pelo delegado de polícia, razão pela qual o autuado foi recolhido ao cárcere, permanecendo à disposição da Justiça.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MARACAJU - AÇÃO DO DOF
Veículo com mais de 700 quilos de maconha foi apreendido em estrada rural de Maracaju
AÇÃO DA PMA DE JARDIM
Homem derruba diversas árvores nativas e coloca fogo, PMA autua em Guia Lopes da Laguna
COMBATE A VIOLÊNCIA CONTRA MULHER
Com delegacia virtual, Governo amplia combate a violência contra as mulheres
OPERAÇÃO PÁTIO ZERO EM MS
Operação Pátio Zero: mais de 400 motocicletas estão disponíveis em leilão de sucata aproveitável
TRAGÉDIA NAS ESTRADAS
Mãe de bebê também morre após carro bater em coqueiro em Bonito (MS)
Carro colidiu com coqueiro na rodovia (Digulgação/PM) TRAGÉDIA ENTRE JARDIM E BONITO
Cinco ficam feridos e bebê de um mês morre após carro colidir com coqueiro entre Jardim e Bonito
BONITO - MS - AÇÃO DA PMA
Arrendatário multado em R$ 124 mil por causar turbidez na água de córrego e rio afluentes do Formoso
CASO DE POLÍCIA
Durante briga com mulher, homem fica ferido a facadas em frente de hotel
PLANTÃO POLICIAL FEMINICÍDIO NO MS
FEMINICÍDIO: Homem invade apartamento e mata a ex-companheira a golpes de faca
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Pontes destruídas no Pantanal serão substituídas por pontes de concreto