Menu
sexta, 22 de outubro de 2021
Busca
BONITO ÁGUAS GREEN WEEK
CRIME A ESCLARECER

Pedreiro é assassinado a tiros enquanto tomava tereré

24 Set 2021 - 10h00Por JD1

Na tarde de quinta-feira (24), o pedreiro Ricardo Ale, de 47 anos, foi morto com pelo menos dez tiros enquanto tomava tereré em Aral Moreira.

De acordo com o boletim de ocorrência, Ricardo estava sentado em frente à obra tomando tereré quando dois homens chegaram de moto e deram cerca de 10 tiros. O pedreiro morreu na hora. Os disparos são de uma arma calibre 40. A dupla fugiu na sequência e ainda não foi localizada pela polícia.

O corpo de Ricardo foi levado para o Instituto Médico Legal de Ponta Porã. O caso será investigado pela delegada Analu Lacerda Ferraz, do 1º Distrito Policial de Ponta Porã, que também responde pela delegacia de Aral Moreira.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Escola de Dourados PÂNICO EM ESCOLA
PÂNICO EM ESCOLA: Ameaça de massacre causa pânico em alunos em MS
BONITO - AÇÃO DA GUARDA MUNICIPAL
Homem embriagado invade escola, perturba alunos e funcionários e acaba preso pela GM em Bonito
Foto: Ivinotícias FATALIDADE
Homem morre após sofrer descarga elétrica de 34 mil volts em MS
CNH INFRAÇÃO NAS REDES SOCIAIS
Postar infração de trânsito nas redes sociais pode gerar multa de até R$ 30 mil e CNH cassada
CASO DE POLÍCIA
Dupla que abatia bois para furtar a carne em fazenda de MS, são detidos por funcionários
SAIBA COMO FAZER
Teve prejuízos materiais durante o vendaval? Saiba o que fazer
GUARDA MUNICIPAL DE BONITO NO GABINETE BONITO - MS - NO GABINETE
Trutis garante emenda de R$ 180 mil para compra de equipamentos para Guarda Municipal de Bonito
Vítima foi levada para a Unidade Básica de Saúde do município, onde foi constatada a morte (Foto: arquivo / Liga da Justiça) FATALIDADE
Jovem morre após receber descarga elétrica em área rural
MORTE A ESCLARECER
Idoso é encontrado morto no sofá, amarrado pelas mãos e com sangramento na cabeça
Goianos ficaram desaparecidos após naufrágio no Pantanal  Foto: Arquivo Pessoal/Thamiris Furquim NAUFRÁGIO NO RIO PARAGUAI
Marinha e Polícia Civil investigarão naufrágio que matou 7 pessoas no Pantanal