Menu
domingo, 20 de setembro de 2020
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
FRONTEIRA FECHADA

Exército paraguaio reforça arame farpado na fronteira com o Brasil após travessia de moradores

Exército paraguaio reforça arame farpado na fronteira com o Brasil após travessia de moradores

15 Set 2020 - 15h03Por G1/MS

O Exército paraguaio reforçou a segurança na fronteira com o Brasil nesta terça-feira (15), depois que, no fim de semana, moradores aproveitaram que havia menos militares na linha internacional, entre Pedro Juan Caballero e Ponta Porã, e atravessaram de um país para o outro.

Os militares esticaram arame farpado por um trecho da linha internacional, onde o que havia antes tinha sido cortado, colocaram mais pneus e permaneceram no local. Cenário visto há seis meses desde que o governo paraguaio proíbe a entrada de estrangeiros e saída de moradores, por conta da pandemia de Covid-19.

Moradores da região insatisfeitos com as determinações, aproveitaram que parte militares que fazem vigilância no local foram destinados para participar da operação de regaste do ex vice-presidente do Paraguai, Oscár Sanchez, que foi sequestrado, e então tiraram as barricadas e fizeram a travessia.

O Paraguai tem 28.367 casos de Covid-19, 14.814 recuperados e 539 mortes.

Barricadas foram destruídas na fronteira do Paraguai com o Brasil.  Foto: Martim Andrada/TV Morena

Barricadas foram destruídas na fronteira do Paraguai com o Brasil. — Foto: Martim Andrada/TV Morena

Protestos

Um protesto pedindo pela reabertura da fronteira entre Brasil e Paraguai aconteceu no final de agosto em Salto del Guairá, na fronteira com o Brasil em Mato Grosso do Sul reuniu cerca 300 pessoas em uma carreata que percorreu as principais ruas da cidade, vizinha a Mundo Novo (MS).

Fechada pelo governo paraguaio há mais de 5 meses devido à pandemia da Covid-19, os manifestantes alegam que a reabertura da fronteira é necessária, pois diversos comerciantes estão fechando as portas devido a falta de turistas brasileiros.

Manifestantes na fronteira do Paraguai com o Brasil, em Salto del Guairá, no Paraguai.  Foto: Juan Alcaráz/Arquivo Pessoal

Manifestantes na fronteira do Paraguai com o Brasil, em Salto del Guairá, no Paraguai. — Foto: Juan Alcaráz/Arquivo Pessoal

Deixe seu Comentário

Leia Também

FOGO NO PANTANAL
Governo envia equipamentos de combate a incêndio e caminhões-pipa para Costa Rica e Corumbá
BODOQUENA
EM BODOQUENA: pitbull escapa, ataca vizinha e dona do cão diz que 'não pode fazer nada'
AMEAÇA
Idosas são ameaçadas por homens armados com facões, em Guia Lopes da Laguna
FURTO
FOLGADO: ladrão invade casa, furta e ainda faz uma 'boquinha', em Guia Lopes da Laguna
Sheiza Ayala - Imagem: Facebook MORTE A ESCLARECER
Jovem de 22 anos morre após procedimento estético ilegal
Contrabando
Motorista tenta fugir e sai da pista com carreta lotada de cigarros
TRÁFICO DE DROGAS
Kombi é encontrada com quase meia tonelada de maconha na BR-163
ESTELIONATO
Bonitense leva golpe de R$ 6 mil; bandidos fingiram ser a filha da vítima
TENTATIVA DE HOMICÍDIO
EM BONITO: homem é baleado durante briga em fazenda; esposa do suspeito ataca polícia
MORTE A ESCLARECER
Motociclista é encontrado morto sem capacete e ao lado da moto em estrada vicinal e MS