Menu
sbado, 27 de fevereiro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
EM VEZ DOS 60

Após protesto, idade mínima para aposentadoria de policiais deve cair para 55

19 Abr 2017 - 08h36Por Midiamax

Após protesto de policiais civis na tarde de hoje (18) em frente ao Congresso Nacional, o relator da proposta de reforma da Previdência, deputado Arthur Maia (PPS-BA), disse que vai reduzir em cinco anos a idade mínima para a aposentadoria dos policiais. Com isso, a idade inicial passaria para 55 anos, em vez dos 60 anos propostos inicialmente pelo relator.

Maia deu a declaração após receber uma comitiva de manifestantes. Segundo o deputado, as mudanças ainda estão em estudo. “Temos um caso muito próprio para os policiais. O que estamos tentando fazer é um desenho de primeiro estabelecer, já, agora, uma idade mínima. Não pode deixar de ter uma idade mínima, ela seria alguma coisa em torno de 55 anos, que é o mesmo que está valendo para as outras categorias”, disse.

A ideia do relator é construir uma proposta que consiga vincular os policiais às regras para a aposentadoria dos militares, que foram retiradas da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/16, que trata da reforma da Previdência. O governo comprometeu-se a apresentar em maio novo projeto para tratar da aposentadoria dos militares.

“Os policiais, com uma certa razão, fazem questão de fazer uma certa vinculação à PEC que vai tratar dos militares. Eles acham que a idade definitiva deve ser algo próximo ao que será colocado na PEC dos Militares”, afirmou o relator. Ele explicou que pode ser feita uma vinculação da regra permanente da aposentaria do policial com a dos militares, uma vez que, necessita-se de esforços físicos semelhantes para os dois tipos de atividade.

A proposta encaminhada pelo governo em dezembro do ano passado determinava a idade de 65 anos e 25 anos de tempo de contribuição para a aposentadoria, inserindo a categoria na regra geral do funcionalismo.

Durante as discussões, Maia apresentou uma proposta alternativa na qual a idade mínima cai em cinco anos, passando para 60 anos e 20 anos em atividades de risco na respectiva categoria para a aposentadoria.

Mesmo assim, as mudanças não agradaram aos policiais que, na tarde desta terça-feira, fizeram um protesto em frente ao Congresso Nacional. Os manifestantes chegaram a passar pela chapelaria, entrada principal da Câmara que dá acesso aos salões Negro e Verde. Eles quebraram parte dos vidros da portaria principal da Câmara, mas foram contidos pela Polícia Legislativa, que formou uma barreira de segurança e reagiu com bombas de gás lacrimogêneo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - AÇÃO DA GUARDA
Guarda Municipal prende autor de furto em menos de 12 horas em Bonito (MS)
ROUBADA EM BONITO
Operação Big Fish recupera bi-trem avaliada em R$ 400 mil e retroescavadeira roubada em Bonito
BONITO - MS - AÇÃO DA PMA
Mulher é autuada por pescar em piracema e ainda no Rio Mimoso onde a pesca é proibida em Bonito (MS)
JARDIM - MS - CONTRABANDO
Após perseguição, veículo é apreendido com 430 kg de maconha em Jardim
BONITO - AÇÃO DA PMA
Mais um fazendeiro é multado por desmatamento ilegal em área protegida em Bonito (MS)
(Foto: divulgação / PRF) REGIÃO DE MIRANDA - MS
Carro com registro de roubo no RJ cai em área alagada e motorista foge na região de MIRANDA
Tiro disparado por assaltantes acertou o vidro dianteiro do motorista - Crédito: André de Abreu VÍDEO - ASSISTA
VÍDEO: Câmeras registraram tentativa de assalto que terminou com major baleado
BONITO - MS - AÇÃO DA PMA
Pecuarista é autuado por desmatamento ilegal de vegetação nativa para plantio de soja em Bonito
BONITO - MS - PASSAGEM AÉREA DE FAUNA
Para evitar atropelamento de animais, 'passagem' será feita em dois pontos na região de Bonito
Marlei Aparecida dos Santos e o filho Nickson Rosa Loveira, durante o embarque. BONITO - MS - SERVIÇO MILITAR
'Coração apertado', mãe se emociona ao entregar filho para servir o serviço militar por Bonito