Menu
quinta, 25 de julho de 2024
Busca
AROEIRA 02

Recusa de cobertura pela UNIMED de Campo Grande gera multa de R$ 15 mil

2 Abr 2011 - 15h13Por Midiamax

A Unimed Campo Grande MS Cooperativa de Trabalho Médico deve indenizar em R$ 15 mil, por danos morais, segurada que teve seu pedido de cobertura da “radioterapia conformacional” recusado. A empresa argumentou que só poderia cobrir a despesa de tratamento com “radioterapia convencional”. A decisão é da Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

No caso, a segurada e seu esposo ajuizaram a ação de indenização por danos materiais e compensação por danos morais, alegando que firmaram com a Unimed um contrato de prestação de serviços de assistência médica e que, ao solicitar a cobertura para a “radioterapia conformacional”, tratamento prescrito para o câncer de mama, tiveram a cobertura recusada.

Em razão da recusa, a segurada somente se submeteu ao referido tratamento, no valor de R$ 6.205,02, mediante a realização de empréstimo. Assim, pediram o ressarcimento desse valor, além da compensação pelos danos morais sofridos em virtude “da intranquilidade e transtornos gerados com a não autorização do tratamento indicado”.

A sentença condenou a Unimed ao pagamento de indenização, por danos materiais, no valor do tratamento e compensação por danos morais no montante de R$ 6 mil. O Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul, ao julgar a apelação, manteve a sentença.

No STJ, a segurada alegou que o valor seria irrisório e estaria em dissonância com o fixado pelo STJ em casos semelhantes. Sustenta, ainda, que o valor fixado não terá a força de dissuadir a Unimed, porque “se outro consumidor, na sua mesma situação, tiver o tratamento negado e se conformar, não buscando a devida tutela jurisdicional, o pagamento da módica indenização arbitrada já seria compensatório para a empresa, estimulando-a a continuar descumprindo o contrato”.

A relatora do caso, ministra Nancy Andrighi, aumentou o valor da indenização para R$ 15 mil, considerando que os danos morais servem como espécie de recompensa à vítima e efeito pedagógico ao causador do dano, guardadas as proporções econômicas das partes e considerando-se ainda a solução dada pelo STJ a casos semelhantes.

Leia Também

Genro agride esposa com faca e ataca sogro com pedradas em MS Caso de polícia
Genro agride esposa com faca e ataca sogro com pedradas em MS
Hospital Regional de MS lança 'Dia D' de cadastro de doadores de medula óssea Atenção população
Hospital Regional de MS lança 'Dia D' de cadastro de doadores de medula óssea
Previsão é de tempo ensolarado e de calor para esta quinta-feira em todo o Mato Grosso do Sul Clima
Previsão é de tempo ensolarado e de calor para esta quinta-feira em todo o Mato Grosso do Sul
Combate aos incêndios no Pantanal tem reforço com equipes de bombeiros do PR e GO Ajuda
Combate aos incêndios no Pantanal tem reforço com equipes de bombeiros do PR e GO
Polícia Penal de MS realiza 5ª fase da operação nacional de combate à comunicação nos presídios Segurança
Polícia Penal de MS realiza 5ª fase da operação nacional de combate à comunicação nos presídios
Laboratório Bonito em campanha de combate a sífilis. Saúde
Laboratório Bonito em campanha de combate a sífilis.
Divulgado resultado preliminar da seleção de professores de ioga para aulas na Rede Estadual  Atenção
Divulgado resultado preliminar da seleção de professores de ioga para aulas na Rede Estadual
Homem é preso tentando agredir moradores com facão Caso de polícia
Homem é preso tentando agredir moradores com facão
Colisão frontal entre picape e carreta deixa uma pessoa morta na MS-379 Acidente fatal
Colisão frontal entre picape e carreta deixa uma pessoa morta na MS-379
Pela terceira vez Mato Grosso do Sul marca presença e apoia o LGBT+ Turismo Expo Destaque
Pela terceira vez Mato Grosso do Sul marca presença e apoia o LGBT+ Turismo Expo
Bonito Informa
Avenida 09 de Julho 2135 - Centro - Bonito/MS/MS
(67) 99638-6610rogerio@bonitoinforma.com.br
© Bonito Informa. Todos os Direitos Reservados.