Menu
sbado, 25 de setembro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JUNHO
CRIME AMBIENTAL

PMA de JARDIM autua infrator em R$ 15 mil por realizar incêndio em palhada de lavoura

PMA de Jardim autua infrator em R$ 15 mil por realizar incêndio em palhada de lavoura

13 Out 2019 - 09h24Por BONITO INFORMA / REDAÇÃO

Policiais Militares Ambientais de Jardim, que trabalham na operação Padroeira do Brasil realizavam fiscalização em propriedades rurais no município de Nioaque e se depararam hoje (11) pela manhã com uma área de palhada de lavoura incendiada em uma fazenda, sem autorização ambiental.

Os Policiais mediram a área com uso de GPS, que perfez 15 hectares. O infrator (50), residente em Nioaque, foi autuado administrativamente e multado em R$ 15.000,00.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Pavimentação de rodovia interligando os pantanais coloca Rio Verde no cenário nacional do turismo
RETOMADA DO TURISMO EM MS
Fundtur recebe inscrições no Programa "Incentiva+MS Turismo" até 5 de outubro
REDUÇÃO DO ICMS DA ENERGIA
Empresários comemoram redução de ICMS na conta de luz durante a bandeira de escassez hídrica
Barco onde a vítima e o filho seguiam quando aconteceu o acidente. (Foto: Sidney Assis) - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS TRAGÉDIA
TRAGÉDIA: Mãe e filho que morreram em acidente não usavam coletes
BONITO - VACINAÇÃO ANTIRRÁBICA
Confira os pontos de vacinação do seu melhor 'Aumigo' neste sábado em Bonito (MS)
VACINA BONITO - BORA VACINAR
BONITO vacina com a 1ª, 2ª e 3ª doses neste sábado, confira horário e local
CRIME A ESCLARECER
Pedreiro é assassinado a tiros enquanto tomava tereré
BONITO - FERIADÃO DE OUTUBRO
BONITO: Feriado prolongado de outubro deve receber mais de 10 mil turistas e esgota reservas
Foto: Wagner Guimarães / Arquivo ALEMS DEPUTADO RENATO CÂMARA
ALEMS convida para Semana Estadual do Idoso com programação online
Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br. AUXÍLIO EMERGENCIAL
Novo Auxílio de R$ 550 para trabalhadores, Veja quem pode receber