Menu
domingo, 26 de setembro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JUNHO
BONITO - MS - MULTA SALGADA

PMA autua infrator em R$ 224 mil por desmatamento exploração ilegal de madeira e incêndio em Bonito

PMA autua infrator em R$ 224 mil por desmatamento exploração ilegal de madeira e incêndio em Bonito

5 Set 2019 - 19h16Por BONITO INFORMA / REDAÇÃO

BONITO - MS - Policiais Militares Ambientais de Bonito realizaram fiscalização nas propriedades rurais no município de Bonito e autuaram ontem (4) um homem de 55 anos por desmatamento, exploração de madeira e por provocar incêndio em vegetação nativa e pastagem.

O incêndio que fora utilizado na propriedade adentrou uma fazenda vizinha e perfez um total de 224 hectares danificadas medidas em GPS e imagens de apoio de drone.  Na propriedade onde se iniciou o fogo foram danificados 35 hectares de vegetação nativa e o fogo invadiu a fazenda vizinha, incendiando mais 189 hectares de pastagem e vegetação nativa. Na área de pastagem havia leira com árvores que ainda queimavam no momento da fiscalização.

Foi observado durante a fiscalização, que antes do incêndio, houve a supressão de árvores sem autorização ambiental e posterior gradeamento da terra, sendo encontradas no local 20 toras de madeira das essências angico, capitão e faveiro.

A PMA efetuou auto de infração administrativa e aplicou multa de R$ R$ 189.000,00 referente ao incêndio de 189 hectares de pastagem e mais R$ 35.000,00 referente ao desmatamento e incêndio de área agropastoril em 35 hectares.

O infrator, residente em Guia Lopes da Laguna, responderá por crimes ambientais e poderá pegar pena de dois a quatro anos de reclusão e multa pelo crime de incêndio em mata ou floresta; de três meses a um ano pelo desmatamento ilegal e mais de seis meses a um ano pela exploração irregular de madeira.

ALERTA - QUEIMA PROIBIDA

Nesse período mais prolongado de estiagem, a Polícia Militar Ambiental realiza várias ações no sentido de prevenir os incêndios. Apesar dos esforços e das orientações, inclusive pela mídia, em relação ao problema, algumas pessoas insistem com esse costume, que é bastante prejudicial ao ambiente e à saúde da população.

Os órgãos ambientais não expedem licença para a queima controlada em Mato Grosso do Sul no período de 01 de julho a 30 de setembro, estendendo-se até 31 de outubro no Pantanal. Além disso, nenhum município autoriza realização de queima em perímetro urbano em qualquer período.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Osvaldo Duarte/Dourados News CASO DE POLÍCIA
Mulher é agredida em discussão e desfere golpe de faca no órgão genital do companheiro
PREFEITO DE BONITO - JOSMAIL RODRIGUES BONITO - PROJETO GAROTO CIDADÃO
Projeto 'Garoto Cidadão' tem o objetivo de promover a inclusão social, prefeito comemora em Bonito
APOSTA ONLINE
Site de apostas online 1xBet mudou as chances do vencedor da próxima Copa do Mundo
Foto: Nova News TRAGÉDIA
TRAGÉDIA: Motorista de ambulância morre ao sofrer descarga elétrica enquanto prestava socorro
JOGOS
Jogos hoje: Brasil está sem perdas até agora
nota ms premiada SORTUDO NOTA MS PREMIADA
Sortudo que ganhou R$ 100 mil no Nota MS Premiada ainda não sacou o prêmio, veja se foi você
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Pavimentação de rodovia interligando os pantanais coloca Rio Verde no cenário nacional do turismo
RETOMADA DO TURISMO EM MS
Fundtur recebe inscrições no Programa "Incentiva+MS Turismo" até 5 de outubro
REDUÇÃO DO ICMS DA ENERGIA
Empresários comemoram redução de ICMS na conta de luz durante a bandeira de escassez hídrica
Barco onde a vítima e o filho seguiam quando aconteceu o acidente. (Foto: Sidney Assis) - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS TRAGÉDIA
TRAGÉDIA: Mãe e filho que morreram em acidente não usavam coletes