Menu
domingo, 20 de setembro de 2020
Busca
ZAP INFORMÁTICA
Instituto de Desenvolvimento de Bonito

IDB INFORMA: conheça o Pantanal com a segurança que precisa; desfrute da Fazenda San Francisco

Sem dúvidas, o passeio DAY-USE realizado na Fazenda San Francisco é o destino certo para quem quer visitar uma das regiões mais ricas e incríveis do mundo: o Pantanal

11 Ago 2020 - 10h12Por Anna Gomes/Bonito Informa

Já imaginou viver a experiência de conhecer o Pantanal? Tem curiosidade de ficar pertinho dos animais, conhecer a vegetação e ainda saborear uma deliciosa comida típica pantaneira? Sem dúvidas, o passeio DAY-USE realizado na Fazenda San Francisco é o destino certo para quem quer visitar uma das regiões mais ricas e incríveis do mundo: o Pantanal.

A San Francisco oferece uma ótima estrutura para quem quer aventura em terras pantaneiras. Agora, com várias mudanças devido à covid-19, o passeio é uma ótima opção para quer descansar ao ar livre com muita segurança. O atrativo consegue unir o real funcionamento de uma fazenda que caminha junto com a preocupação da conservação do meio ambiente.

Na propriedade, além da beleza exuberante do Pantanal Sul, o visitante consegue também vivenciar todo trabalho realizado diariamente em uma fazenda com gados, búfalos e peões pantaneiros.


Como acima citado, a Fazenda é uma propriedade localizada no Pantanal Sul, em Miranda, o mais perto de Bonito, em Mato Grosso do Sul que faz parte da maior área alagada do mundo. O local possui uma grande variedade de vegetação e animais como tuiuiús, jacarés, gavião belo, muitos outros que você só encontra no Pantanal e com sorte ver a tão misteriosa Onça-pintada.

A fazenda fica a 160 quilômetros de Bonito. Percurso que parece ser longo, mas que passa em um piscar de olhos já que no caminho, o turista passa por lugares incríveis, entre eles, a Serra da Bodoquena. De Campo Grande até a propriedade somam 240 quilômetros, mas o visitante também consegue ir curtindo a Serra de Maracaju. Resumindo: neste passeio, até a estrada é exuberante.


Por ser uma propriedade bem estruturada, o caminho de Bonito ou de Campo Grande é todo asfaltado. Você só estará em trechos sem pavimentação uma vez que já tiver entrado na fazenda em si, mas que somam apenas seis quilômetros de cascalho. Fique tranquilo, qualquer veículo consegue tranquilamente chegar até a San Francisco em qualquer época do ano.


FAZENDA SAN FRANCISCO NA PREVENÇÃO A COVID-19

Todos os atrativos de Bonito e região estão cumprindo uma série de regras para funcionarem durante a pandemia. Os passeios só conseguem abrir as portas se todos estiverem de acordo com os protocolos de biossegurança implantados.

Para o turismo voltar a funcionar, a Capital do Ecoturismo implantou 7 protocolos de biossegurança que estão sendo colocados em prática com veemência. Na Fazenda San Francisco não está sendo diferente. Com profissionais treinados e capacitados, várias mudanças foram realizadas para o bem do visitante e dos colaboradores do atrativo.


O atrativo reduziu o número de visitantes. Antes da pandemia, os turistas entravam por três portões e agora apenas em um. Todos têm sua temperatura aferida logo quando chegamna fazenda.


Todos os funcionários estão equipados com EPIS. A San Francisco também disponibiliza álcool em gel em vários pontos do atrativo. O uso de máscara é obrigado para o guia e também para o visitante.


A tradicional atividade de pescaria de piranha e cavalgada não estão sendo realizadas temporariamente para a proteção dos visitantes e colaboradores do atrativo. Placas lembrando o turista sobre o distanciamento de 1,5 metro estão espalhadas pela fazenda.


 

CONHEÇA OS PASSEIOS DA FAZENDA SAN FRANCISCO

DAY-USE

O passeio DAY-USE da Fazenda San Francisco tem duração de um (1) dia no Pantanal Sul e é uma excelente opção para quem quer conhecer um pouco da fauna, flora e cultura pantaneira. O DAY-USE inclui:

-Safári Fotográfico nos campos de arroz e reservas florestais do Pantanal – em carro safári especial para passeio o visitante vai conhecer aves e mamíferos de hábitos diurnos, como tuiuiús, cervos, capivaras e jacarés. O turista também realiza uma caminhada na mata ciliar do Rio Miranda para conhecer um dos principais rios do Pantanal. Este passeio mostra o ‘ambiente Terra’.

-Passeio de Chalana- mostra o ambiente Água e a beleza cênica do Pantanal. Navegando pelo Corixo São Domingos, o turista encontra nas áreas de floresta os animais, aves ribeirinhas e o Jacaré-do-pantanal que é visto bem de perto. Além disso, o DAY-USE também oferece pesca artesanal da temida piranha (mas que está suspensa temporariamenteNo final da tarde pantaneiraum lanchinho também é oferecido aos visitantes.

(Foto tirada antes da pandemia)

O almoço servido para quem compra o DAY- USE é feito com vários alimentos da própria fazenda. O arroz da Cantina Pantaneira é produzido nos campos da San Francisco, assim como o doce de leite e as carnes. Vale ressaltar que todo passeio é acompanhado pelos guias pantaneiros especializados em Pantanal com todo conforto e segurança que sua família merece.

(Foto Tirada antes da pandemia)

As atividades oferecidas no DAY-USE são contemplativas, exigem pouco esforço físico e podem ser aproveitadas por pessoas de todas as idades. Para as crianças, a oportunidade de chegar pertinho de alguns animais já acostumados com a presença de turistas é algo especial.

 

FOCAGEM NOTURNA

Além do DAY-USE, a San Francisco também disponibiliza vários outros passeios, entre eles a FOCAGEM NOTURNA: no Pantanal, uma grande parte dos animais possuem hábitos alimentares noturnos. Lobinhos, jaguatiricas, antas, jacarés, capivaras, cervos, corujas, alguns pássaros, e a imponente onça pintada podem ser vistos no passeio que é realizado durante a noite quando uma luz forte é usada na focagem e reflete aos olhos dos bichos.

(Foto: Lucas Ramos Mendes/tirada antes da pandemia)

Os carros são traçados, equipados com bancos em diferentes níveis para facilitar a visualização dos animais. Os guias que acompanham este passeio são muito bem preparados para procurar animais à noite. O passeio inclui: Safári Noturno em Veículo Especializado para Focagem com Guias Especializados, Seguro Contra Acidentes Pessoais e Óculos para Proteção dos Olhos.

(Foto: Lucas Ramos Mendes/tirada antes da pandemia)

OUTROS PASSEIOS

Além do DAY-USE e a Focagem Noturna, se você quiser continuar na fazenda, também pode reservar sua hospedagem. A San Francisco atende como pousada e o visitante consegue ter acesso a vários outros passeios que seriam impossíveis de realizá-los em apenas um dia, tais como a canoagem, quando o turista precisa remar e assim tem acesso a muitos animal e a cavalgada, que você vê o Pantanal como o pantaneiro vê: de cima de um cavalo! O lugar também disponibiliza passeios em várias trilhas para o visitante conhecer a fauna e a flora. Vale a pena se hospedar na San Francisco!

(Foto tirada antes da pandemia)

PROJETOS

A San Francisco também foi pioneira em programas especiais como Turismo de Pesquisa Cientifica com o Projeto que estudou a onça-pintada, jaguatiricas, araras-azuis, papagaios-verdadeiros, herpetofauna, entre outros, além do Programa de Educação Ambiental no Pantanal.

 HISTÓRIA DA SAN FRANCISCO

A proprietária da fazenda, a senhora Elizabeth Prudêncio Coelho contou um pouco da história da San Francisco, o nome seria uma homenagem romântica de seu sogro à sua sogra.

Em 1973, o patriarca Laucídio Coelho, um grande homem, comprou 100 mil hectares da antiga Fazenda Bodoquena e os dividiu entre seus 12 filhos. Hélio Coelho ficou com 11 mil hectares, hoje transformados em 15 mil.

Hélio é um médico que se especializou em San Francisco, na Califórnia, onde conheceu Cynthia, enfermeira de origem americana. Hélio e Cynthia se casaram e foram morar em Campo Grande, MS. Ao avistar a Serra da Bodoquena, Hélio lembrou-se das colinas da cidade natal de Cynthia e resolveu homenagear sua esposa batizando a fazenda de Fazenda San Francisco.

(Da esquerda para direita: Cynthia Jane Folley Coelho, Elizabeth Prudencio Coelho, Dr Helio Coelho, Roberto Folley Coelho e Eleanor Cristina Coelho)

O casal teve seis filhos. Roberto, o primogênito do casal, casou-se em 1975, e resolveu desenvolver a fazenda com tecnologia de ponta parcialmente adaptada para o gado enquanto outras áreas foram estudadas para o plantio do arroz.

As áreas alagadas da fazenda enriqueceram as fontes de alimento. Observando a rica cadeia alimentar dos canais de irrigação e do preparo do solo, o que atraiu aves e animais do Pantanal, Roberto e Beth abriram a fazenda para uma terceira atividade: o turismo, que tem dado muito certo!

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - BOLETIM COVID-19
Homem de 64 anos é a 7ª vítima de coronavírus em dia de mais 05 confirmados em Bonito (MS)
FOGO NO PANTANAL
Governo envia equipamentos de combate a incêndio e caminhões-pipa para Costa Rica e Corumbá
ELEIÇÕES 2020
Foi dada largada na corrida pela prefeitura de Bonito; 4 candidatos estão na disputa
FOGO NO PANTANAL
Governo reduz focos de incêndio no Pantanal de MS e controla fogo no Parque Estadual do Taquari
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Parceria entre Agehab, Agraer e Prefeitura garante título definitivo a 215 famílias em Bodoquena
SEM CONTROLE
SEM CONTROLE: Aquidauana registra 52 óbitos e 1805 casos confirmados de Covid-19
COVID-19
Bonito registra mais 11 novos casos de covid-19
BODOQUENA
EM BODOQUENA: pitbull escapa, ataca vizinha e dona do cão diz que 'não pode fazer nada'
AMEAÇA
Idosas são ameaçadas por homens armados com facões, em Guia Lopes da Laguna
FURTO
FOLGADO: ladrão invade casa, furta e ainda faz uma 'boquinha', em Guia Lopes da Laguna