Menu
quarta, 8 de julho de 2020
BANNER ANNA
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
EM MS

Homem é detido por manter namorada presa dentro de caminhão por 11 dias em MS

Homem é detido por manter namorada presa dentro de caminhão por 11 dias em MS

14 Nov 2019 - 12h16Por Flávio Dias, G1 MS

Um homem de 43 anos foi detido nessa quarta-feira (13) após manter a namorada dele, de 26, presa por 11 dias dentro de um caminhão. O suspeito passou por várias cidades, obrigando-a a permanecer dentro do veículo, quando houve a prisão dele em flagrante em Chapadão do Sul, a 335 km de Campo Grande.

De acordo com o delegado Felipe Potter, o casal saiu do Porto de Paranaguá (PR) e ao parar em posto de combustíveis, a mulher aproveitou um momento de distração do caminhoneiro e conseguiu escapar. Ainda conforme o delegado, uma testemunha acionou a polícia após ver a vítima trancada em um banheiro do estabelecimento gritando por socorro.

Mulher ficou presa por 11 dias em caminhão. Ela conseguiu escapar após parar em Chapadão do Sul (MS).  Foto: Polícia Civil/Divulgação

Mulher ficou presa por 11 dias em caminhão. Ela conseguiu escapar após parar em Chapadão do Sul (MS). — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Conforme a ocorrência policial, no local, os militares encontraram o homem muito nervoso e aparentava estar alcoolizado. A vítima também contou que estava presa dentro do caminhão desde o dia 2 de novembro e que sofria ameaças constantemente. Antes de fugir e pedir ajuda, ela teria sido agredida com murros na cabeça.

Em depoimento ao delegado Felipe Potter, a mulher que está com um olho roxo por conta das agressões, disse que é da cidade de Nova Cantu (PR) e que mantinha um relacionamento com o suspeito há 4 meses. No último dia 2, ele teria a colocado a força no caminhão e que desde esse dia, viajaram por várias cidades. Ela afirmou que ele teria tomado o celular dela e a impedia manter contato com a família e também de voltar para sua cidade.

Conforme Potter, o homem que é da cidade de Luiziana (PR), negou que a agrediu e que não a manteve em cárcere privado. Ele também alegou que a mulher viajava com ele de forma espontânea e que em nenhum momento pegou o aparelho de celular dela impedindo-a de manter contato com os parentes. Ao ser questionado sobre o olho roxo da vítima por conta das possíveis agressões, ele não soube explicar. O homem ainda disse que vítima trabalhava como garota de programa no Paraná.

Segundo a polícia, a mulher disse que o caminhoneiro ameaçava dizendo que se tentasse fugir, quem iria sofrer seria os filhos dela. Ela solicita medida protetiva e o caso foi registrado como violência doméstica, sequestro e carcere privado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Hospital Santa Rita, onde homem de 45 anos morreu hoje em decorrência da covid-19 (Foto: Divulgação) - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS DOURADOS - VÍTIMA DE COVID-19
Comerciante de 45 anos é a 37ª vítima do coronavírus em Dourados
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Com obras concluídas, Pronto Socorro de Maracaju deverá ser inaugurado nas próximas semanas
COVID-19
Secretaria de Saúde de Bodoquena diz que cidade segue sem casos de covid-19
ESPORTE
Os Investimentos Na Binomo São Livres De Fraudes, Com Uma Interface Fácil De Usar
COVID-19
Bonito, Jardim e Bodoquena: toda região registrou casos de covid-19 nas últimas 24h
MACHISMO
Homem é investigado por desacato após desrespeitar delegada por ser mulher
TRÁFICO DE DROGAS
EM BONITO: polícia prende traficante que escondia drogas em tênis e CPU de computador
CRUELDADE
EM MIRANDA: homem descobre que bebê de 2 meses não é sua filha e mata criança por vingança
ATROPELAMENTO
Criança é atropelada após tentar atravessar rodovia de bicicleta
TRÁFICO DE DROGAS
Menor ‘guarda’ droga em casa e mãe é presa com o suspeito de ser o dono da mercadoria