Menu
segunda, 19 de abril de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO

FGV vai elaborar plano de reestruturação da Assembléia Legislativa de MS

5 Abr 2011 - 17h44Por Midiamax

A Assembléia Legislativa está em negociações adiantadas com a Fundação Getúlio Vargas para que seja elaborado o plano de reestruturação do quadro funcional da Casa. O instituto é o mesmo que criou, em Mato Grosso do Sul, o plano de cargos e carreiras do Tribunal de Contas (TCE/MS), iniciado em 2009 e aprovado em março de 2010 (Lei 3.877).

A informação foi repassada pelo presidente do legislativo, Jerson Domingos, nesta terça-feira (5). A ideia é aproveitar o levantamento interno que a Assembleia já elaborou, a partir do trabalho desenvolvido pelo deputado e 1º secretário Paulo Corrêa.

Jerson fez mea culpa ao reconhecer que a Casa relegou a questão. "A Assembleia Legislativa nunca se preocupou em relação ao seu quadro funcional. As diferenças salariais são gritantes entre os nossos servidores e os dos demais poderes", disse. Questionado sobre a previsão de término da reforma, o presidente apenas disse que não será em curto prazo.

A reformulação completa da parte administrativa da Assembleia passa pela implantação do Plano de Demissão Voluntária (PDV), proposta que foi vislumbrada por Corrêa. Jerson, porém, disse ser contra a ideia.

"Quando foi implantado há 12 anos, via-se um problema social muito grande entre as famílias de servidores que pediram o PDV. Acharam que receberiam um valor relativamente alto, mas alguns não souberam fazer uso disso e depois ficaram impedidos de retornar".

O presidente acredita que o reordenamento de cargos e salários irá suplantar a necessidade de criar o PDV. Outra saída seria a realização de concurso público, com objetivo de melhorar a prestação de serviços pela Assembleia. Jerson estima que isto só deve ser colocado em prática a partir da conclusão dos trabalhos da FGV.

No Tribunal de Contas

A proposta do Plano de Cargos e Carreiras do TCE/MS foi discutida por mais de um ano e recebeu diversas sugestões dos conselheiros. As carreiras foram estruturadas em quatro classes. Um dos destaques é a Gratificação de Desempenho e Metas (GDM), paga aos servidores em cargos efetivos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BONITO - MS - LUTO
BONITENSE: Polícia investiga morte de paciente com covid que teve traqueia perfurada em intubação
NOVA VARIANTE EM MS
Bonito, Jardim, Guia Lopes tem casos com nova variante coronavírus, veja todas as cidades de MS
BONITO - MS - BOLETIM COVID-19
Mulher de 35 anos é mais uma vítima da Covid que chega a triste marca de 40 óbitos em Bonito
BONITO - MS - TRABALHOS NÃO PARAM
Mutirão de limpeza e outras ações são realizados na área urbana e nos assentamentos em Bonito (MS)
Geraldo saiu para pegar a caminhonete que estava na frente da casa. (Foto: Kisie Ainoã) - CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS CRIME EM MS
Homem é executado com mais de 60 tiros de fuzil na porta de casa em MS
AÇÃO DA PMA
Homem é multado por maus-tratos, ele deixou o cavalo morrer dentro de valeta em MS
BONITO - MS - MÚSICA AO VIVO
Música ao vivo é liberada em bares e restaurantes, respeitando protocolos de biossegurança em Bonito
ATENÇÃO DOADORES
ATENÇÃO DOADORES: Hemosul atende das 7h as 12h e precisa de sangue O- e O+
UEMS
UEMS oferta 78 bolsas no valor de R$ 400 para Projetos de Ensino
PREVISÃO DO TEMPO
Frente fria muda o tempo em boa parte do centro-sul do País, fim de semana pode ser chuvoso em MS