Menu
domingo, 25 de julho de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JUNHO

Em Cuiabá, ministro anuncia fundo de R$ 1,4 bi para região Centro-Oeste

31 Jul 2013 - 08h01Por G1/MS

Os estados do Centro-Oeste brasileiro deverão contar a partir de agosto com cerca de R$ 1,4 bilhão em investimentos financiados pelo governo federal para o setor produtivo na região. Denominado Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste (FDCO), o montante foi anunciado em Cuiabá nesta terça-feira (30) pelo ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho.

O ministro esteve em Cuiabá para presidir a segunda reunião ordinária do Conselho Deliberativo do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Condel), órgão máximo da Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco). Na mesma oportunidade, Bezerra anunciou ampliação de R$ 1,5 bilhão no Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) – o qual agora chega a disponibilizar R$ 6,8 bilhões para projetos em Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Distrito Federal, montante recorde para a região.

Tal como anunciado por Bezerra, o FDCO deverá funcionar com recursos já alocados da poupança rural do Banco do Brasil, que já começou a receber projetos candidatos a fatias do fundo. O requisito é que estes projetos tenham potencial de promover empregos ou melhorar as estruturas de logística para a produção rural do estado, segundo o engenheiro Cleber Ávila, diretor de implementação de programas e de gestão de fundos da Sudeco.

Assim como na participação dos estados no FCO, Mato Grosso deverá manter sua proporção de 29% do “bolo” para contratar financiamentos disponibilizados por meio do FDCO, de acordo com a Sudeco, mas com taxas abaixo das de mercado e até mesmo com menos requisitos que no FCO.

Estes financiamentos, segundo o ministro Bezerra, já poderão ser contratados por empreendedores do setor rural até o final deste ano. Os próximos passos para isso são a aprovação, por parte do Conselho Monetário Nacional (CMN), para a liberação dos recursos no Tesouro Nacional e a assinatura da presidente Dilma Rousseff (PT) de decreto que aprove a criação do fundo.

“Acredito que no transcorrer do mês de agosto o decreto [presidencial] esteja publicado e a gente inicie esta operação, que é muito importante para o desenvolvimento do Centro-Oeste, prioritariamente para o setor de logística, para financiar infraestrutura dos estados”, comentou o ministro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Foto: Prefeitura de Bonito BONITO - MS - VANDALISMO NA PRAÇA
Vandalismo na Praça desperta indignação e prefeitura desenvolverá ações de fiscalização em Bonito
Mulheres forma mortas a tiros e motivação pode ser religiosa. (Foto: Ponta Porã News) CRIME EM MS
Mãe e menina de 11 anos são mortas durante atentado em MS
HORÁRIO DE VERÃO
HORÁRIO DE VERÃO: Setores fazem pressão para voltar após dois anos de extinção
Partes do carro ficaram jogadas na rodovia - Crédito: Gustavo Porto/EPTV ACIDENTE FATAL
Família em carro com placas de MS morre em grave acidente no interior de SP
FOI MULTADO?
Você foi multado? Saiba que pode ter até 40% de desconto no pagamento pelo Aplicativo, VEJA
MS CONTRATA AÇÕES DO GOVERNO DE MS
MS Contrata + abre pré-cadastro para programa de Microcrédito com juro zero
Foto: Mycchel Legnaghi - São Joaquim online FRIO INTENSO
Maior frio do ano? Temperaturas negativas, geada e até neve!
FOTO: NOTÍCIAS E CONCURSOS BOLSA FAMÍLIA 2021
Novo Bolsa Família de R$ 300 pode ser financiado; veja como
MACONHA BOI MACONHA
BOI MACONHA: Mais de 02 toneladas de maconha é apreendido em caminhão boiadeiro
HEMOSUL HEMOSUL
VAMOS DOAR: Hemosul Coordenador abre neste sábado das 7h às 17h para repor estoques de sangue