Menu
segunda, 22 de julho de 2024
Busca
Planejado

Concursos públicos do Estado destinarão 10% das vagas a negros e 3% para índios

1 Abr 2011 - 13h45Por Campo Grande News

Decreto publicado pelo governo de Mato Grosso do Sul no Diário Oficial desta sexta-feira determina a reserva de 10% vagas nos concursos públicos do Poder Executivo para negros e de outros 3% para índios.

A medida regulamenta uma lei aprovada no ano passado, alterando uma anterior, de 2008, que estabelecia cota apenas para negros.

Conforme o decreto, a reserva de vagas aos candidatos negros e índios aprovados em concurso público em iguais condições para todos os candidatos.

Para concorrer a uma das vagas previstas o candidato deverá especificar, em formulário próprio indicado pelo edital do concurso que vai prestar.

O decreto afirma que será “considerado negro ou indígena o candidato que assim se declare no momento da inscrição para o respectivo concurso e receba parecer conclusivo favorável a essa declaração, por Comissão Especial”.

Autodeclaração-O candidato decide se quer ou não participar da concorrência específica para as cotas para negros e índios. Caso não opte, estará implícito que escolheu a concorrência geral.

Com a nova regra, o resultado dos sempre que for publicado o resultado de um concurso, ele terá duas listas, contendo a primeira lista a pontuação de todos os candidatos, inclusive os beneficiados com o programa de reserva de vagas, e listas específicas para o resultado dos candidatos cotistas.

Conforme o decreto, na nomeação dos candidatos aprovados será de acordo com a ordem de classificação geral no concurso, observados os seguintes critérios para os candidatos integrantes do programa de reserva de vagas: a cada fração de 10 candidatos, a décima vaga fica destinada a candidato negro aprovado, de acordo com a sua ordem de classificação na lista específica, A cada fração de 33 candidatos, a trigésima terceira vaga fica destinada a candidato indígena aprovado, de acordo com a sua ordem de classificação na lista específica.

As regras estabelecidas neste Decreto também serão aplicadas na nomeação de candidatos portadores de deficiência, observados o percentual de 5% as vagas.

Leia Também

Idoso tem camionete roubada e assaltantes trocam tiros com Polícia Militar em MS Caso de polícia
Idoso tem camionete roubada e assaltantes trocam tiros com Polícia Militar em MS
Após perder carro em enchente no RS, mulher processa cantor  Gusttavo Lima Justiça
Após perder carro em enchente no RS, mulher processa cantor Gusttavo Lima
Casal morre e criança fica ferida em batida frontal de carretas na BR-163 Triste
Casal morre e criança fica ferida em batida frontal de carretas na BR-163
Adolescente que foi esfaqueado pela mãe morre no hospital Em MS
Adolescente que foi esfaqueado pela mãe morre no hospital
Pais desempregados fazem apelo para tratar câncer da filha em MS Ajuda ao próximo
Pais desempregados fazem apelo para tratar câncer da filha em MS
Bombeiros de MS continuam trabalho para conter incêndios em diferentes áreas do Pantanal Ação de combate
Bombeiros de MS continuam trabalho para conter incêndios em diferentes áreas do Pantanal
Zezé Di Camargo será pai aos 61 anos e já está escolhendo nome do bebê Sertanejo
Zezé Di Camargo será pai aos 61 anos e já está escolhendo nome do bebê
Funcionário público é rendido por bandidos armados no portão de casa em MS Caso de polícia
Funcionário público é rendido por bandidos armados no portão de casa em MS
Bonito (MS) ganha novas opções de acesso via Campo Grande com nova estrada e ampliação de voos Turismo
Bonito (MS) ganha novas opções de acesso via Campo Grande com nova estrada e ampliação de voos
Catador atropelado em MS negou atendimento do Samu minutos antes de morrer Caso de polícia
Catador atropelado em MS negou atendimento do Samu minutos antes de morrer
Bonito Informa
Avenida 09 de Julho 2135 - Centro - Bonito/MS/MS
(67) 99638-6610rogerio@bonitoinforma.com.br
© Bonito Informa. Todos os Direitos Reservados.