Menu
segunda, 21 de setembro de 2020
Busca
ZAP INFORMÁTICA

Concursos públicos do Estado destinarão 10% das vagas a negros e 3% para índios

1 Abr 2011 - 13h45Por Campo Grande News

Decreto publicado pelo governo de Mato Grosso do Sul no Diário Oficial desta sexta-feira determina a reserva de 10% vagas nos concursos públicos do Poder Executivo para negros e de outros 3% para índios.

A medida regulamenta uma lei aprovada no ano passado, alterando uma anterior, de 2008, que estabelecia cota apenas para negros.

Conforme o decreto, a reserva de vagas aos candidatos negros e índios aprovados em concurso público em iguais condições para todos os candidatos.

Para concorrer a uma das vagas previstas o candidato deverá especificar, em formulário próprio indicado pelo edital do concurso que vai prestar.

O decreto afirma que será “considerado negro ou indígena o candidato que assim se declare no momento da inscrição para o respectivo concurso e receba parecer conclusivo favorável a essa declaração, por Comissão Especial”.

Autodeclaração-O candidato decide se quer ou não participar da concorrência específica para as cotas para negros e índios. Caso não opte, estará implícito que escolheu a concorrência geral.

Com a nova regra, o resultado dos sempre que for publicado o resultado de um concurso, ele terá duas listas, contendo a primeira lista a pontuação de todos os candidatos, inclusive os beneficiados com o programa de reserva de vagas, e listas específicas para o resultado dos candidatos cotistas.

Conforme o decreto, na nomeação dos candidatos aprovados será de acordo com a ordem de classificação geral no concurso, observados os seguintes critérios para os candidatos integrantes do programa de reserva de vagas: a cada fração de 10 candidatos, a décima vaga fica destinada a candidato negro aprovado, de acordo com a sua ordem de classificação na lista específica, A cada fração de 33 candidatos, a trigésima terceira vaga fica destinada a candidato indígena aprovado, de acordo com a sua ordem de classificação na lista específica.

As regras estabelecidas neste Decreto também serão aplicadas na nomeação de candidatos portadores de deficiência, observados o percentual de 5% as vagas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Van que se envolveu no acidente em Patos de Minas (MG) na madrugada deste domingo (20)  Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação TRAGÉDIA NAS ESTRADAS
TRAGÉDIA: Batida entre van e caminhão mata 12 pessoas, 02 adolescentes e 01 criança estão entre elas
Renato tinha 50 anos e era formado em educação física - Assessoria/Cedida CORONAVÍRUS NO MS
Professor e candidato a vereador morre em decorrência da Covid-19 em MS
PLANTÃO POLICIAL CRIME EM MS
ASSASSINATO: Jovem de 23 anos é morto a facadas pela namorada de 17 anos e ainda ameaça socorristas
BONITO - MS - A CASA CAIU
CASA CAIU: Polícia Militar apreende cerca de 700 quilos de maconha em Bonito (MS)
LUTO NO BOMBEIROS DE MS
Corpo do Subtenente BM que morreu em acidente em Santa Catarina chega em Dourados
BONITO - MS - BOLETIM COVID-19
Homem de 64 anos é a 7ª vítima de coronavírus em dia de mais 05 confirmados em Bonito (MS)
FOGO NO PANTANAL
Governo envia equipamentos de combate a incêndio e caminhões-pipa para Costa Rica e Corumbá
ELEIÇÕES 2020
Foi dada largada na corrida pela prefeitura de Bonito; 4 candidatos estão na disputa
FOGO NO PANTANAL
Governo reduz focos de incêndio no Pantanal de MS e controla fogo no Parque Estadual do Taquari
AÇÕES DO GOVERNO DE MS
Parceria entre Agehab, Agraer e Prefeitura garante título definitivo a 215 famílias em Bodoquena