Menu
BANNER ANNA
quarta, 12 de agosto de 2020
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
ESTELIONATO

Bonitense é vítima de golpe por telefone e deposita R$ 400 para bandido

O criminoso fingiu ser um primo da vítima

12 Dez 2019 - 10h03Por Anna Gomes/Bonito Informa

Uma mulher de 45 anos procurou a polícia na tarde desta quarta-feira (11), após perceber que tinha caído em um golpe feito por criminosos. O bandido se passeou por primo da vítima e ela acabou depositando dinheiro para ele.

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima disse que seu telefone tocou e quando ela atendeu, o criminoso se passou por um primo da mulher. O bandido disse que estava com o veículo estragado e pediu a quantia de R$1500.

Ainda de acordo com o registro policial, o criminoso ainda passou outro número para a mulher e disse que seria do mecânico . A vítima ligou e o suposto mecânico relatou que só faltava R$400 dos R$1500.

Querendo ajudar o primo, a vítima foi até uma casa lotérica e depositou os R$ 400 na conta do criminoso. Pouco tempo depois, a mulher começou a desconfiar e resolveu ligar para o parente que negou os fatos.

Ao perceber que tinha sido vítima de um golpe, a mulher procurou a Delegacia de Polícia Civil de Bonito, onde o caso foi registrado como estelionato.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVID-19
Bonito registra mais 6 novos casos de covid-19
COVID-19
Avó de Michelle Bolsonaro morre de Covid-19 em hospital público do DF
ESTUPRO
Homem é preso suspeito de estuprar sobrinho de 11 anos, em MS
FLAGRANTE
Polícia Militar aborda e prende homem por porte ilegal de arma de fogo, em Bonito
TRÁFICO DE DROGAS
Bonitenses são presas com drogas escondidas nas calças
Sorteio
MEGA SENA: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 12,5 milhões
TRAGÉDIA
Fusca se parte ao meio e cinco ficam feridos após colisão contra guard rail
Meteorologia
Previsão é de calor nesta quarta-feira, em Bonito
HORÓSCOPO DO DIA
Horóscopo do dia: desta quarta-feira 12 de agosto de 2020
VÍTIMA CORONAVÍRUS
CORONAVÍRUS: Médica de 29 anos perde a vida para a covid-19 após ficar quase 30 dias da UTI