Menu
domingo, 29 de novembro de 2020
Busca
OKA_BONITO_ABRIL
PREMIAÇÃO NO MS

Publicados no Diário Oficial mais 05 editais da Lei Aldir Blanc totalizando R$ 653 mil

Publicados no Diário Oficial mais 05 editais da Lei Aldir Blanc totalizando R$ 653 mil

21 Out 2020 - 09h57Por Karina Lima, FCMS

Foram publicados no Diário Oficial desta quarta-feira (21) mais cinco editais da Lei Aldir Blanc, contemplando os segmentos culturais do artesanato, literatura, dança e cultura de rua. Os editais premiarão produtos culturais totalizando o valor de R$ 653 mil.

A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul lança os editais visando à premiação de propostas que contenham produtos culturais aptos a manter a Cultura de Mato Grosso do Sul viva e em circulação, sejam aqueles já produzidos antes ou durante o estado de calamidade pública em decorrência da pandemia mundial pelo novo coronavírus.

“PRÊMIO SAGACIDADE PRA SEGUIR – LEI ALDIR BLANC”

O objetivo deste Edital é selecionar até  06 (seis) produtos culturais produzidos antes ou durante a pandemia, de agentes culturais residentes e domiciliados no território de Mato Grosso do Sul, sejam pessoas físicas ou microempreendedores individuais com atividade empresarial artística-cultural.   

Especificamente este Edital tem a finalidade de incentivar e fortalecer a Cultura de Rua, Urbana e Periférica do Estado de Mato Grosso do Sul através da seleção e premiação de vídeos e portfólios nas categorias Graffiti (3 premiados) e Evento de Cultura de Rua (3 premiados) que contam e valorizam a trajetória da atuação dos proponentes das diversas vertentes do segmento. 

Cada selecionado será contemplado com prêmio no valor de R$11.000,00, na categoria Graffiti, e R$20.000,00 na categoria Evento de Cultura de Rua. 

As inscrições estão abertas, vão até o dia 31 de outubro e devem ser realizadas no endereço eletrônico https://forms.gle/BGSS1MAYgimaTunk6  onde cada proponente deverá encaminhar todos os documentos exigidos para a inscrição.

“PRÊMIO VIBE LITERÁRIA – LEI ALDIR BLANC”

O objetivo deste Edital é selecionar até 32 (trinta e dois) produtos culturais, sendo eles: 

dez podcasts de oralidades com apresentações artísticas de profissionais da palavra, como contadores de histórias, slammers, cordelistas, repentistas e escritores, com cachê no valor de R$ 3.000,00 cada. Os podcasts deverão inéditos e serem enviados em formato mp3 e ter como tempo mínimo 10 minutos e máximo 30 min e

vinte vídeos sendo vídeos - performances para apresentações artísticas de profissionais da palavra como contadores de histórias, slammers, declamações, etc; ou vídeos – tutoriais/apresentação envolvendo os processos da cadeia do livro, leitura, literatura e bibliotecas como: processo criativo, contação de histórias, escrita criativa, formação de leitores em espaços não–formais de leitura (bibliotecas públicas e comunitárias, salas de leitura, gibitecas, etc), crítica literária sul-mato-grossense, novas tecnologias na literatura e interfaces da literatura com outras artes como quadrinhos, teatro, dança, artes visuais, etc.), técnicas, dicas, métodos ou metodologias do fazer literário  com cachê no valor de R$ 3.000,00 cada. Os vídeos deverão ter como tempo mínimo 8 min e máximo 25 min.

As inscrições estão abertas, vão até o dia 31 de outubro e devem ser realizadas no endereço eletrônico  http://bit.ly/Premiovibeliteraria

onde cada proponente deverá encaminhar todos os documentos exigidos para a inscrição.

“PRÊMIO ARTESÃO INDÍGENA – LEI ALDIR BLANC” 

Este Edital tem a finalidade de selecionar 50 (cinquenta) obras artesanais produzidas por artesãos indígenas de Mato Grosso do Sul que receberão premiação no valor bruto de R$ 1.000,00 (mil reais) cada. Recomenda-se que as obras inscritas não ultrapassem 60cm (sessenta centímetros) de altura e/ou 30cm (trinta centímetros) de diâmetro. Recomenda-se, também, que não pesem mais de 3kg (três quilos) em seu conjunto. 

As inscrições deverão ser realizadas até 30 de outubro de 2020, no endereço eletrônico  https://forms.gle/yiqQgYHNgYMiuorf8 onde cada proponente deverá encaminhar todos os documentos exigidos para a inscrição.

“PRÊMIO SUL-MATO-GROSSENSE DE DANÇA” – LEI ALDIR BLANC”

O objetivo deste Edital é selecionar até 55 (cinquenta e cinco) produtos culturais, produzidos antes ou durante a pandemia, de artistas residentes e domiciliados no território de Mato Grosso do Sul, sejam pessoas físicas ou microempreendedores individuais com atividade empresarial artística-cultural, organizados em grupos ou individualmente (artistas solo), ou pessoas jurídicas de direito privado sem fins lucrativos (associações).

Para fins deste Edital o produto cultural apto a participar da seleção de premiação constitui-se de:

1– COREOGRAFIAS:

1.1- Equipe de no mínimo 07 pessoas (em cena) - vídeos prontos com duração mínima de 5 minutos.

Valor do prêmio: R$7.000,00 (sete mil reais)

Vagas: 12 (doze) premiados

1.2. Equipe entre 04 a 06 pessoas (em cena) - vídeos prontos com duração mínima de 5 minutos.

Valor do prêmio: R$5.000,00 (cinco mil reais)

Vagas: 11 (onze) premiados

1.3. Equipe com até 03 pessoas (em cena) - vídeos prontos com duração mínima de 5 minutos.

Valor do prêmio: R$3.000,00 (Três mil reais)

Vagas: 10 (dez) premiados

2 - DANÇAS POPULARES BRASILEIRAS:

 2.1.  Equipe de no mínimo 07 pessoas (em cena) - vídeos prontos com duração mínima de 10 e máxima de 20 minutos

Valor do prêmio: R$10.000,00 (dez mil reais)

Vagas: 06 (seis) premiados

2.2. Equipe entre 04 a 06 pessoas (em cena) - vídeos prontos com duração mínima de 10 e máxima de 20 minutos

Valor do prêmio: R$5.000,00 (cinco mil reais)

Vagas: 06 (seis) premiados

3 - ESPETÁCULOS 2017/2020:

 3.1. Equipe de no mínimo 07 pessoas (em cena) - Registro de espetáculo não inédito em vídeo, com duração mínima de 30 minutos

Valor do prêmio: R$13.000,00 (treze mil reais)

Vagas: 04 (quatro) premiados

3.2Equipe entre 04 a 06 pessoas (em cena) - Registro de espetáculo não inédito em vídeo, com duração mínima de 30 minutos

Valor do prêmio: R$9.000,00 (nove mil reais)

Vagas: 03 (Três) premiados

3.3Equipe com até 03 pessoas (em cena) - Registro de espetáculo não inédito em vídeo, com duração mínima de 30 minutos

Valor do prêmio: R$4.000,00 (quatro mil reais)

Vagas: 03 (Três) premiados

As inscrições deverão ser realizadas até às 23 horas e 59 minutos do dia 30 de Outubro de 2020, horários de Mato Grosso do Sul, no endereço eletrônico https://forms.gle/EZMr9SWqkP6kprLf7  onde cada proponente deverá encaminhar todos os documentos exigidos para a inscrição.

“PRÊMIO DO CENTRO REFERENCIAL DO ARTESANATO DE MS – LEI ALDIR BLANC”

O objetivo deste Edital é selecionar até 20 (vinte) produtos culturais produzidos antes ou durante a pandemia, de artistas solo (pessoas físicas) residentes e domiciliados no território de Mato Grosso do Sul. Os trabalhos artesanais selecionados serão expostos permanentemente no Centro Referencial do Artesanato de MS – mediante a instituição de prêmios no valor de R$ 3.500,00 (três mil e quinhentos reais) aos seus autores.

As inscrições deverão até o dia 30 de outubro de 2020no endereço eletrônico https://forms.gle/JAH8ZDpLzJhq4c4v9

Para conferir os editais na íntegra, clique aqui.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VALORIZAÇÃO
Antes do fim do mês, salário de novembro já está na conta do servidor de MS
PÁTIO ZERO
VEJA COMO PARTICIPAR: Detran-MS abre três leilões com mais de 700 motocicletas nesta terça-feira
BONITO - MS - PAGODE NA CONTA
Prefeitura deposita salário dos servidores municipais em Bonito (MS)
NOTA MS PREMIADA
SERÁ QUE FOI VOCÊ: Mais de R$ 640 mil ainda não foram resgatados do Nota MS Premiada
NOTA MS PREMIADA
CPF NA NOTA?: Nota MS Premiada será sorteada no sábado pelo dezenas da Mega
BONITO - MS - PAGAMENTO
BONITO: Pagamento dos integrantes do programa Fazendo Bonito nesta segunda-feira
PAGAMENTO NA CONTA
Estado deposita R$ 514 milhões em salários nesta sexta-feira (27)
VALORIZAÇÃO
Salários dos mais de 79 mil servidores estaduais será depositado nesta sexta e disponível no sábado
OPERAÇÃO PÁTIO ZERO EM MS
Operação Pátio Zero: mais de 400 motocicletas estão disponíveis em leilão de sucata aproveitável
BONITO - MS - AÇÕES
Estado e Sudeco se unem para adequar estradas e evitar turvamento de rios de Bonito (MS)