Menu
domingo, 7 de maro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
INDGNADO

Ex diz que pagou estudos e era humilhado por médica que ganhava R$ 30 mil

15 Dez 2016 - 14h05Por Correio do Estado

Rafael dos Santos, de 35 anos, preso por assassinar a tiros a ex-esposa, médica e filha de vereador, Nislaine Colman Benites, 31 anos, alegou que trabalhou para pagar os estudos da vítima, mas passou a ser humilhado depois que ela se formou e começou a ganhar R$ 30 mil por mês. Também justificou que a mulher o traiu com um enfermeiro que trabalhava com ela no posto de saúde, em Ponta Porã.

O corretor de imóveis foi preso por volta das 18h de ontem pela Polícia Nacional do Paraguai e será transferido para a 2ª Delegacia de Polícia, em Ponta Porã, onde crime será apurado.

Conforme o Porã News, Rafael disse que trabalhou para manter a família e os estudos de Nislaine, no entanto, quando ela se formou, passou a ganhar aproximadamente R$ 30 mil por mês, a lhe humilhar e dizer que ele não era homem para ela.

Ainda segundo a versão do corretor, ele descobriu que a médica mantinha relacionamento extraconjugal com enfermeiro. A descoberta resultou em discussão e posterior separação do casal, que aconteceu há cerca de um mês.

Na última terça-feira à noite, Rafael teria recebido a informação de que a ex-esposa passaria a morar com o enfermeiro na casa que ele diz ter construído e onde moram as filhas do autor. Indignado, ele assassinou a médica na manhã seguinte.

Apesar de arrependido, o corretor imobiliário disse que a médica colheu o que plantou.

“Eu não poderia aceitar que ela levasse o enfermeiro para viver na casa que nós construímos, deitar na minha cama, estar com a minha mulher, com minhas filhas e desfrutar de todas as coisas que conseguimos juntos, pois quando ela era universitária eu era o homem bom, mas quando ela passou a ganhar mais, eu já não prestava para ela”, desabafou Rafael.

PRISÃO
Corretor imobiliário foi preso a cerca de 60 quilômetros da fronteira do Brasil com o Paraguai, na região da Colônia de Aquidaban Cañada. Na ocasião, ele seguia para a cidade de Concepción.

Depois de serem comunicadas sobre o assassinato da médica, equipes da Polícia Nacional do Paraguai intensificaram a fiscalização em veículos e pessoas nas estradas de acesso a fronteira. Trabalho dos agentes resultou na prisão do autor.

Rafael, que é ex-acadêmico de Medicina em universidade no Paraguai, foi levado para a Seção de Investigação de Delitos da Polícia Nacional, em Pedro Juan Caballero, de onde será transferido para o Brasil.

CASO
A médica Nislaine foi assassinada com três tiros desferidos pelo ex-marido Rafael. Crime aconteceu ontem de manhã, no posto de saúde Dr. Nery de Azambuja, que fica no Bairro Jardim Marambaia, na cidade de Ponta Porã.

Nislaine chegou no local de trabalho e foi até a cozinha tomar café, ocasião em que viu que o ex-marido se aproximava, armado. A médica correu e trancou a porta, mas Rafael desferiu um tiro contra a porta e, em seguida, assassinou a mulher com disparos de arma calibre .380. Segundo testemunhas, ele não aceitava o fim do relacionamento.

O corretor de imóveis chegou no posto de saúde em uma motocicleta e, antes de fugir, deixou cair o capacete.

A vítima trabalhava no Programa Mais Médicos e é filha do vereador reeleito em Ponta Porã pelo PSDB, Marcos Benites, o Marquinhos.

 
 
 
 

Há cerca de 40 dias, o corretor teria ido até o local de trabalho da médica e a ameaçou com uma faca. Delegado responsável pelas investigações, Patrick Linares, disse ao Portal Correio do Estado que testemunhas afirmaram que brigas entre o ex-casal eram constantes e ela já havia sido ameaçada várias vezes pelo ex-marido, que não aceitava a separação.

Rafael e Nislaine se separavam judicialmente e algumas pendências, como a venda de um imóvel e dívidas, dificultavam o entendimento dos dois. As desavenças se intensificaram há cerca de oito meses, quando casal fechou loja de artigos esportivos, aberta no centro de Ponta Porã quando eles se conheceram.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Novos leitos de UTI no Hospital do Pênfigo em agosto do ano passado, quando ainda estavam vazios.. (Foto: Prefeitura de Campo Grande) - ALERTA - COVID
ALERTA: De 16 municípios com leitos de UTI Covid em MS, 9 já atingiram 100% de lotação
LUTO NA UNIMED
Ortopedista da Unimed, Carlos Queiroz, morre de covid em Campo Grande
ARTIGO CIENTÍFICO
Melhores maneiras de escrever um bom artigo científico
BONITO - MS - ALERTA
ATENÇÃO: Ponte interditada sobre o Rio Laudejá em Bonito (MS)
TURISMO NO MS
FundturMS faz visita técnica à Estrada Parque de Piraputanga e identifica potencialidades da região
VEM PRA BONITO - MS
Viajar para Bonito é seguro nesta Pandemia?
PREVISÃO DO TEMPO
Chuva com forte intensidade podem ocorrer e vir acompanhadas de raios
Flagrante de biólogo mostra muçum enrolado no bico de garça  Foto: Edu Fragoso/Foto NOSSO MS É LINDO
Flagrante de biólogo mostra muçum enrolado no bico de garça em MS
PONTE INTERDITADA
Agesul interdita parcialmente ponte na MS-243, no Nabileque
BONITO - MS - CONFIRA O GRONOGRAMA
Confira o cronograma estabelecido para reabertura da Gruta do Lago Azul em Bonito (MS)