Menu
quinta, 25 de fevereiro de 2021
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO JANEIRO
BONITO - MS - CULTURA

BONITO recebe hoje “Histórias e Músicas da Fronteira” com Dino Rocha e Rodrigo Teixeira

25 Abr 2017 - 11h18Por Portal da Educativa

Em turnê pelo Estado, com o projeto “Histórias e Músicas da Fronteira”, financiado com pelo FIC-MS (Fundo de Investimentos Culturais de Mato Grosso do Sul) o acordeonista Dino Rocha e o escritor Rodrigo Teixeira estarão em Bonito (MS) nesta terça-feira (25) para uma apresentação na Praça da Liberdade.

A primeira apresentação da dupla foi em Sidrolândia, no dia 7 deste mês e agora será a vez da Capital do Ecoturismo virar palco da música fronteiriça sul-mato-grossense, a partir das 20 horas.

O jornalista e escritor Rodrigo Teixeira, autor dos livros “Os Pioneiros – A Origem da Música Sertaneja de MS” e “Prata da Casa – Um Marco da Cultura Sul-mato-grossense”, inicia a apresentação com uma palestra sobre os artistas que têm ligação com a música fronteiriça, desde os pioneiros Délio e Delinha, Zé Corrêa e Amambai e Amambaí até os modernistas Almir Sater, Paulo Simões e Geraldo Espíndola.

Na sequencia, Dino Rocha, que já recebeu o título de ‘Rei do Chamamé’, embala o público ao som da boa música sul-mato-grossense. Natural de Juti (MS), o instrumentista de 65 anos figura entre os principais acordeonistas do Brasil da atualidade.

Com dezenas de LPs gravados e centenas de shows realizados em todo o país, Dino Rocha vai relembrar os principais sucessos de sua carreira, como “Gaivota Pantaneira”, seu primeiro hit lançado em 1973, e interpretar clássicos fronteiriços, como “Mercedita” e “KM 11”.

A presença da cultura fronteiriça é marcante na identidade cultural de Mato Grosso do Sul, tanto que adquirimos hábitos e costumes do Paraguai e Bolívia, como dançar polca paraguaia, tomar tereré, comer chipa e falar guarani. O projeto “Histórias e Músicas da Fronteira”, conta com apoio da Prefeitura Municipal de Bonito e busca resgatar este universo que já se tornou uma característica da população do Estado.

A produção é de Thiago Coutinho, proponente do projeto no FIC. Além de Sidrolândia e Bonito, o projeto também vai passar também pelas cidades de Amambai, Ponta Porã, Dourados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROUBADA EM BONITO
Operação Big Fish recupera bi-trem avaliada em R$ 400 mil e retroescavadeira roubada em Bonito
PROCON NOS POSTOS
Procon cobra explicações pelo aumento repentino do etanol em MS
Belas cachoeiras estão entre os vários atrativos do Parque Nacional da Serra da Bodoquena (Foto: Divugação/ICMBio) TURISMO EM MS
Parque da Bodoquena entra na lista de concessões para o turismo
Fotos: Arquivo Instituto Paulo Machado GASTRONOMIA SUL-MATO-GROSSENSE
Turistas estrangeiros avaliam gastronomia sul-mato-grossense como a melhor do Brasil
BONITO E REGIÃO - MS
INSCRIÇÕES ABERTAS: Curso para Guias que trabalham em Bonito e região organizado pela USP
BONITO - MS - AÇÕES
Distrito Águas do Miranda, Pesqueiro do Noé e região recebem 400 mudas doadas para plantio
Instituto de Desenvolvimento de Bonito
IDB INFORMA: Carol Nakamura e marido visitam Bonito e se encantam com as belezas da cidade
Rio Miranda percorre aproximadamente 490km - Álvaro Rezende RIO MIRANDA - ALERTA
Rio Miranda continua sob alerta e situação ainda é crítica em Mato Grosso do Sul
BORA PRA BONITO?
VEM PRA BONITO?: O melhor do verão acontece aqui e ainda mais com TARIFAS REDUZIDAS, confira
BONITO - DURANTE REUNIÃO
Protocolos que serão aplicados na reabertura da Gruta do Lago Azul são apresentados em Bonito