Menu
quinta, 22 de agosto de 2019
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
POLÍTICA

Deputado quer proibir sátira de imagens cristãs em manifestações de MS

Multas podem chegar a R$ 500 mil

23 Abr 2019 - 14h41Por DA REDAÇÃO

O deputado Antonio Vaz, explicando o projeto (Foto: Luciana Nassar/ALMS)

O deputado estadual Antônio Vaz (PRB) apresentou um projeto de lei nesta terça-feira (23) que pede a proibição de sátira a dogmas e crenças cristãs em Mato Grosso do Sul. A proibição incluiria manifestações culturais, desfiles carnavalescos, passeatas, marchas e afins.

Caso o projeto passe pelas comissões e seja aprovado em duas votações pelos deputados, fica vedada a liberação de verbas públicas para a contratação e financiamento de cobertura de eventos, desfiles carnavalescos, espetáculos, passeatas e marchas que pratiquem a intolerância religiosa.

Em caso de descumprimento da norma, estão previstas multas de R$ 5 mil a R$ 500 mil, bem como a impossibilidade em realizar novos eventos pelo prazo de cinco anos. Para aplicação da infração, deverão ser considerados: a magnitude do evento, o impacto na sociedade, a quantidade de participantes, a ofensa realizada e a utilização de recursos públicos. Neste último caso, o dinheiro terá que ser devolvido aos cofres do Estado.

Autor do projeto, o deputado afirma que até mesmo frases como ‘tire o seu rosário dos meus ovários’ poderiam ser proibidas de divulgação no Estado. “É inadmissível e inaceitável esse tipo de ofensa acontecer nos dias de hoje. É preciso parar com isso, ainda mais utilizando dinheiro público para eventos carnavalescos, marcha gay, marcha de associações e Ongs”, disse.

O parlamentar mostrou imagens de manifestações que, segundo ele, seriam contra a Igreja Católica, mas não explica no projeto o que pode vir a ser encarado como ofensa. “Teve até uma Marcha das Vadias que vilipendiou uma Igreja Universal. Isso não pode acontecer”, justificou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE NO MS
Prefeitura abre processo seletivo com oito vagas e salário de R$ 3,2 mil em MS
BONITO - MS - NESTA QUINTA
Bonito (MS) recebe Coordenadora Nacional do Grupo União das Advogadas do Brasil nesta quinta-feira
BONITO - MS - REPASSE
Prefeitura repassa mais de R$ 4.800.000,00 às entidades em 2019 em Bonito (MS)
BONITO - MS - AUDIÊNCIA NA CÂMARA
Agepan reforça compromisso com estímulo ao turismo por meio do transporte em Bonito (MS)
VEREADORES DE BONITO NO GOVERNO
Secretário recebe vereadores de Bonito e destaca uma nova fase de interiorização do Governo
MIRANDA - MS - NOVAS ELEIÇÕES
TRE afasta prefeita acusada de compra de votos e convoca novas eleições em Miranda
BONITO - MS - AÇÕES NO DISTRITO
Em Bonito (MS), Distrito Águas do Miranda realiza 1ª Feira do Águas no sábado
Política
Bolsonaro transferirá Coaf para o Banco Central via medida provisória
BONITO - MS - SAÚDE
Confira as unidades de Saúde que não abrem nesta 3ª e 4ª em Bonito (MS)
PROMESSA DE CAMPANHA
Projeto sobre porte de armas pode ser votado esta semana