Menu
sexta, 23 de agosto de 2019
Busca
BONITO AGUAS DE BONITO
VIOLÊNCIA NA VENEZUELA

Datena conversa com Bolsonaro sobre a Venezuela e público reage

Datena conversa com Bolsonaro sobre a Venezuela e público reage

1 Mai 2019 - 20h03Por RD1

José Luiz Datena convidou Jair Bolsonaro para uma conversa ao vivo por telefone no “Brasil Urgente” da última terça-feira (30). O jornalista abriu espaço para o presidente da República, que falou sobre a crise na Venezuela.

Além da crise e da possível ajuda que o Brasil daria aos Estados Unidos, caso os norte-americanos pedissem, Bolsonaro falou sobre impostos e a liberação de armas. O político, no entanto, declarou que é “quase impossível” uma intervenção brasileira.

Internautas que acompanhavam o programa reagiram com a presença do presidente. “Minha cara é a do Datena, ouvindo o Bolsonaro repetir a mesma lenga-lenga ideológica”, reclamou um internauta.

Um telespectador ficou furioso com a fala do chefe de Estado sobre a Amazônia e os índios. “E o Bolsonaro no Datena dizendo que pode haver exploração de minério natural na Amazônia, e que índio quer tecnologia, internet, fogão a gás, e tem as mesmas necessidade que uma pessoa da área urbana! Meu Deus”, desabafou.

“Bolsonaro falando várias bostas agora ao vivo”, alfinetou um usuário do Twitter. “Datena abrindo espaço para o Jair Bolsonaro falar as asneiras de sempre… E ainda tem gente que aplaude… Estou vendo que falta visão geral para esse povo. Não critico só esse mandato, nenhum até agora foi satisfatório, não será este também”, opinou um opositor do governo.

Confira a repercussão na web:

 
Vídeo incorporado
 

Em entrevista com Datena, Bolsonaro fala sobre impostos e liberação de armas.

 
 
 
 

 

 

O Presidente Bolsonaro 'ao vivo' ao Datena: 'Chance Zero (!) Do Brasil Intervir Na Venezuela'. OK; então, Presidente, "estabeleça igual chance de amparar Militares Covardes Venezuelanos", na fronteira!!
Eles Devem Ficar Na Venezuela e Lutar Ao Lado Do Povo, Não Empreender Fuga!?

 
 
 
 

 

 

Lamentável o Datena dar palco a tanta asneira que Bolsonaro está falando.