Menu
CÂMARA_BONITO_SETEMBRO
domingo, 22 de setembro de 2019
BANNER ANNA
Busca
ZAP INFORMÁTICA
BODOQUENA E PORTO MURTINHO

Polícia Federal deflagra operação 'Paz no Campo' em Porto Murtinho e BODOQUENA

Polícia Federal deflagra operação 'Paz no Campo' em Porto Murtinho e BODOQUENA

21 Mai 2019 - 10h40Por Assessoria de Comunicação do MPF/MS e PF

A Polícia Federal em Mato Grosso do Sul deflagrou nesta terça-feira (21) a operação Paz no Campo, com o objetivo de desarmar dois grupos indígenas rivais que disputam o comando da aldeia Alves de Barros, localizada no município de Porto Murtinho/MS. Trinta Policiais Federais cumprem três mandados de busca e apreensão, expedidos pela 5ª Vara Federal de Campo Grande/MS, em Porto Murtinho/MS e em Bodoquena/MS.

O trabalho investigativo teve início em maio de 2018 a partir de informações recebidas e repassadas pelo Ministério Público Federal (MPF) à Superintendência da Polícia Federal do Mato Grosso do Sul, a qual realizou investigação e identificou a existência dos grupos beligerantes e de suas lideranças, sendo constatada a possibilidade de conflito e vítimas decorrentes de atos de violência, inclusive com o uso de armas de fogo.

A operação foi batizada de "Paz no Campo" em alusão ao seu objetivo, que é pacificar a Aldeia Alves de Barros. Os materiais apreendidos e eventuais presos em flagrante serão conduzidos à sede da Polícia Federal, em Campo Grande, onde ficarão à disposição da Justiça Federal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Homem morre afogado após fazer pedido de casamento embaixo dágua
VENTO FORTE EM MS
Vento forte derruba árvores e ocasiona capotamento em MS
CONCURSO PÚBLICO
Concurso abrirá 350 vagas para a Guarda Civil em MS
Policial
Motorista de aplicativo que estava desaparecido é encontrado morto
ASSASSINATO
Pai mata filho afogado para se vingar de ex-esposa: 'queria fazer ela sofrer'
FLAGRANTE
EM BONITO: homem tenta furtar celular de empresária, é flagrado por câmera e acaba em cana
EXECUTADA
Cabeleireira é executada a tiros por pistoleiros na fronteira; ex- marido é suspeito
FATALIDADE
Mulher morre ao levar uma picada de abelha em fazenda
CÁRCERE
Após pedir separação, esposa é agredida e mantida em cárcere por 30 dias em MS
ESTUPRO
Avô é preso suspeito de estuprar neta de 7 anos e diz que agiu por tentação do demônio