Menu
KAGIVA
quarta, 19 de setembro de 2018
ITALÍNEA DOURADOS
Busca
COFFEE BREAK

Gaeco sofre mais uma derrota no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul

7 Mar 2018 - 07h39Por DA REDAÇÃO

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), braço do Ministério Público do Estado, sofreu mais uma derrota no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJMS) com a decisão, por maioria já formada, de suspender a ação por improbidade administrativa contra o deputado estadual Paulo Sufi (MDB) no âmbito da Coffee Break. O parlamentar foi acusado de ter movimentação atípica em sua conta bancária no período em que era vereador de Campo Grande.

Os promotores de Justiça, integrantes da força-tarefa do Gaeco, Cristiane Mourão Leal Santos, Thalys Franklyn de Souza, Tiago Di Giulio Freire e Fernando Martins Zaupa, foram criticados por não computar as finanças das atividades privadas de Siufi na ação. Eles apenas indicaram o salário dele na Câmara Municipal de Campo Grande. Por isto da divergência nas contas bancárias do parlamentar.

De acordo com o recurso preparado pelo escritório do advogado Avelino Duarte, “o autor da ação (MPE) utilizou como premissa apenas o subsídio percebido pelo requerido enquanto vereador, desprezando outras fontes de receitas.

É por tal razão que os rendimentos do agravante divergiram da totalidade de créditos que transitaram por suas contas bancárias”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS - DESUMANIDADE
Após acidente, pessoas ignoram vítima fatal e roubam carga de abacaxi em Dourados
CIDADES
Polícia prende quadrilha que roubava caminhões e levava para o Paraguai
AÇÕES CONTRA O TRÁFICO DE DROGAS
Jardim (MS) na lista do Gaeco em operação contra o tráfico de drogas, ao todo foram 25 em 4 cidades
CRUELDADE - POLÍCIA
Por mãe estar sem o celular, ladrão dá facada em bebê de 3 meses
ELEIÇÕES 2018 - CANDIDATO AO GOVERNO DO MS
MPF manda Polícia Federal investigar Odilon de Oliveira, denunciado por crimes na 3ª Vara Federal
TRÁFICO
Rapaz é preso em MS ao tentar levar para SP 110 quilos de maconha escondidos em fundo falso de carro
ESTRAGO FEITO POR CACHORRO
Policial atacado por pitbull consegue tratamento de reconstrução de face
BACTÉRIA
Mulher tem os dedos de pé amputados após sessão de pedicure com peixes
EM ENTREVISTA NA TV MORENA
Denúncia da JBS é retaliação por cobrança de impostos, diz Reinaldo
MARIA DA PENHA PRA ELE
Mulher tem 40% do corpo queimado pelo marido enquanto amamentava em Campo Grande