Menu
ASSOMASUL MAIO 2019
tera, 25 de junho de 2019
Busca
ÁGUAS DE BONITO

Um mês após massacre no Rio, duas vítimas continuam internadas

10 Mai 2011 - 08h29Por Folha.com

Um mês após o massacre na Escola Municipal Tasso da Silveira, em Realengo (zona oeste do Rio), duas vítimas do atirador Wellington Menezes de Oliveira ainda estão internadas.

Um adolescente de 13 anos passou por uma cirurgia para correção de fratura de órbita ocular direita, na manhã desta segunda-feira, e passa bem. O menino está internado no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), no centro do Rio, mas não tem previsão de alta.

Uma garota, também de 13 anos, continua internada na enfermaria no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna (Baixada Fluminense). Seu quadro é estável e ela vem se recuperando bem, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. Ela foi atingida no abdômen e na coluna.

O massacre ocorreu na manhã de 7 de abril, quando o ex-aluno Wellington Oliveira de Menezes, 23, entrou na escola e atirou contra os estudantes. Doze morreram e outros 12 ficaram feridos. Wellington cometeu suicídio em seguida.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MUNDO DA MÚSICA
Marilia Mendonça recorda foto de antes da fama com Cristiano Araújo: 'Saudade'
BODOQUENA - MS - SOLIDARIEDADE
BODOQUENA: Em fase difícil da vida, pedagoga desapega e doa cabelo para quem luta contra o câncer
EM CIDADE DO MS
Pilar de concreto que sustentava rede cai e mata menina de 4 anos em MS
NOVELA DA GLOBO
A Dona do Pedaço: Maria da Paz é humilhada por Vivi Guedes e Régis se aproveita de situação
EM MS
Bombeiros retiram Saveiro que caiu nas águas de rio em MS
OPORTUNIDADE NO MS
Concurso e processos seletivos oferecem 728 vagas no Estado do MS
BONITO - MS - PEDALADA DE SÃO PEDRO
Inscrições para 'pedalada' da 91ª Festa de São Pedro estão abertas em Bonito (MS)
BONITO - MS - EMPOSSADA
Prefeito dá posse a nova farmacêutica bioquímica concursada em Bonito (MS)
LUTO NO JORNALISMO
Após oito dias internada, aos 23 anos, jornalista de Campo Grande morre em São Paulo
CAMPO GRANDE - MS - LGBTQ
Boate dominada por lésbicas tem drink de 2 litros e criações como 'Sapatônica' em Campo Grande