Menu
BONITO_PREFEITURA_FEVEREIRO_2019
quinta, 21 de fevereiro de 2019
mutantes
Busca
ITALÍNEA DOURADOS

TJ/MS direcionou para o Bradesco licitação da folha, diz relatório do CNJ

28 Jun 2011 - 12h14Por Campo Grande News

Uma parte considerável do relatório produzido a partir da inspeção do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) feita na Justiça Estadual de Mato Grosso do Sul, no ano passado, diz respeito a problemas detectados nas licitações para compras de material, contratações de empresas e terceiração de serviços. O que mais chama atenção é em relação à folha de pagamento do Judiciário, “vendida” ao banco Bradesco. Para os responsáveis pela fiscalização, há indícios de a licitação foi direcionada.

O texto afirma que não há base plausível para o valor definido, de R$ 9,2 milhões, e que o banco, com certeza, tem muitos ganhos com a negociação, ao administrar uma folha de pagamento milionária, de servidores com bons salários.

O direcionamento da licitação, como consta do relatório, está claro no item exigindo que “a instituição Bancária colocará à disposição a sua Rede de Agência, inclusive Correspondentes Bancários/Banco Postal.”

O problema, conforme o relatório do CNJ, é que o Bradesco detém a exclusividade na prestação do serviço de Banco Postal. “Logo, tal exigência só poderia mesmo ser cumprida pela mencionada instituição bancária”.

“Isso nos leva crer que o TJMS não tratou com isonomia os diversos licitantes que retiraram o Edital da Concorrência, violando, a um só tempo, os princípios da igualdade entre os licitantes e o da seleção da proposta mais vantajosa para a Administração.”

Os indícios de irregularidades em licitações apontados pela Corregedoria de Justiça estão em várias áreas.

Por todos os lados - Falta de clareza nos contratos, criação de especificações técnicas em exagero em concorrências para obras e terceirizações que desrespeitam regras já ditadas pelo CNJ estão entre os casos apontados.

Um contrato citado é com uma empresa de limpeza, que, segundo o relatório, tem preço final maior do que o especificado.

Em todos os casos envolvendo licitações, o CNJ fez recomendações para que, daqui para frente, o TJ corrija as situações.

No caso da licitação da folha de pagamento com o Bradesco, a recomendação significa simplesmente cumprir o que determina a lei das licitações, ou seja, evitar o direcionamento.

O presidente do TJ, Luis Carlos Santini, informou por meio da assessoria que está avaliando o conteúdo do relatório.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GESTÃO PÚBLICA
Reinaldo Azambuja fala sobre desafios da nova gestão em entrevista à GloboNews
BONITO - MS - CONGRESSOS DE NETWORKING
Bonito (MS) receberá pelo menos 10 mil visitantes na baixa temporada em busca de networking em 2019
AGORA DEU MEDO
PMA captura cascavel de 1,3 metros em residência na Capital
GERAL
Em MS, 38 radares voltam a operar na BR-163 a partir da próxima semana
TEMPO E TEMPERATURA
Alerta: 24 cidades de MS estão com aviso de tempestade de perigo potencial
BONITO - MS - POLÍCIA
Vítima de 'estupro virtual' volta para casa e retoma rotina na escola em Bonito (MS)
GERAL
Sistema do Detran-MS continua fora do ar nesta quarta-feira
GERAL
Gabaritos do Enade 2018 já estão disponíveis no site do Inep
COTA ZERO
Deputados pedem que caça do jacaré seja liberada
POLÍCIA
Homem é preso, suspeito de exploração sexual de criança