Menu
ITALÍNEA DOURADOS
quarta, 15 de agosto de 2018
KAGIVA
Busca

Taxistas definem propostas para alterar decreto que proibe viagens intermunicipais

12 Abr 2011 - 13h16Por Fonte: Assembléia Legislativa

Em reunião realizada ontem na Assembléia Legislativa com a presença de um grande número de taxistas de todo o Estado, juntamente com o deputado estadual Felipe Orro (PDT), ficou definida uma proposta de alteração do Decreto 9.234/98, para permitir que a categoria faça viagens entre as cidades em Mato Grosso do Sul. A proposta será encaminhada ao governador André Puccinelli (PMDB).

Apesar de o decreto ser da década de 90, de autoria do ex-governador Wilson Barbosa Martins, somente há um ano e meio a exigência foi colocada em prática e vários taxistas foram multados.

O taxista que for flagrado por fiscais da Agepan (Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos) fora do perímetro da cidade em que está cadastrado, paga multa de 100 Uferms (Unidade Fiscal Estadual de Referência de Mato Grosso do Sul), ou seja, R$ 1.496,00.

"Essa viagem maior é que dá oportunidade para os taxistas terem uma renda a mais", disse o deputado Felipe Orro, propositor da reunião. Ele irá entregar ao governador um pedido para que os taxistas sejam incluídos no rol de veículos autorizados a prestar serviços de transporte rodoviário intermunicipal de passageiros.

A lista inclui ônibus leito, executivo, urbano e misto, auto-ônibus rodoviário, microônibus e veículo a energia elétrica.

Presidente do Sindicato dos Taxistas da região de Aquidauana, Ney Martins Alviço disse que já foram multados taxistas de Bonito, Jardim e Maracaju.

Entre os taxistas multados está Antonielle Gomes, de Bonito. Ele levava um casal de turistas para o Aeroporto Internacional de Campo Grande, quando foi surpreendido, na entrada da Capital, em uma Quarta-Feira de Cinzas, por blitz da Polícia Militar, Agepan e Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito). "Eles precisavam pegar um vôo. O pessoal estava com pressa. Ninguém quer fazer o serviço pela metade", disse.

Em Bonito os taxistas entregaram um abaixo assinado ao senador Delcídio Amaral, durante a sua visita ao município no início do mês, no qual pediam apoio para promover alterações no decreto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SIDROLÂNDIA E MARACAJU
Com tecnologia de R$ 70 mil, produtor usa lavoura para apoiar Bolsonaro em Mato Grosso do Sul
BONITO - MS - MAIS ASFALTO EM RUAS
Asfalto está chegando na Rua das Esmeraldas, ela não estava incluída no projeto original em Bonito
MIRANDA - MS - INVESTIMENTOS DO GOVERNO DO MS
Governo do MS investe R$ 1,9 milhão na recuperação de ruas que estavam abandonadas em Miranda (MS)
BONITO - MS - LEVANTAMENTO DO FESTIVAL DE INV
BONITO (MS): Em levantamento, 84% do público que passou pelo Festival de Inverno eram do MS
CIDADES
Curso para Disseminadores da Educação Fiscal está com inscrições abertas
CIÊNCIA E TECNOLOGIA NO ESTADO
Divulgado resultado final de Programa que concede recursos para eventos técnico-científicos em MS
BONITO - MS - ATENÇÃO A TODOS
Decreto proíbe entulho de construção em ruas e calçadas em Bonito (MS)
FATALIDADE
Pecuarista de 78 anos morre pisoteado por boi em curral
REFLEXOS INDESEJADOS
Quase metade dos presos de MS são ligados ao tráfico
50%
Caixa oferta 158 imóveis com descontos para venda no Estado