Menu
ASSOMASUL MARÇO
quarta, 24 de abril de 2019
mutantes
Busca
ÁGUAS DE BONITO

Sessão solene homenageia mulheres na Assembleia Legislativa

15 Mar 2011 - 10h50Por Midiamax

Em sessão solene nesta terça-feira (15), a partir das 9h, a Assembleia Legislativa homenageará mulheres de destaque de Mato Grosso do Sul.

A lista de homenageadas já conta com 15 nomes. Serão feitos protestos de veneração e respeito a Ilda Garcia Prado (homenagem proposta pelo deputado Cabo Almi), Ana Arminda Garcia dos Santos (Dione Hashioka), Maria de Lourdes Ribeiro Fragelli (Felipe Orro), Kátia Maria Souza Cardoso (George Takimoto), Maria José Reis Contini (Junior Mochi) e Zandira Luvison (Laerte Tetila).

Constam ainda na lista de homenagens: Ilda Rodrigues Sakata (Mara Caseiro), Iolete Vasconcelos Bambil de Paula (Marcio Fernandes), Marcia Gomes Vilela (Marcio Monteiro), Jussara Feltrin Moraes (Marquinhos Trad), Mirian Sirlei da Veiga (Paulo Corrêa), Professora Heloísa Helena da Costa Urt (Paulo Duarte), Nacisa Canhete Jara (Pedro Kemp) e Virginia Marta Magrini (Zé Teixeira).

Estão programados discursos de duas deputadas, Dione Hashioka e Mara Caseiro, e de homenageadas, além da exibição de um vídeo sobre a ex-deputada Celina Jallad.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MIRANDA - NOVAS ELEIÇÕES
TRE/MS volta atrás e diz que população escolherá em novas eleições o novo prefeito de Miranda
CIDADES
Dias Toffoli chama para conciliação com indígenas e revolta sitiantes
POLÍTICA
Deputado quer proibir sátira de imagens cristãs em manifestações de MS
COTIDIANO
Amigos lamentam falecimento de Rubens Catenacci, referência na pecuária brasileira
TURISMO
Boletim comparativo de alta temporada do ObservaturMS mostra crescimento no fluxo turístico
GERAL
MPT investiga demissão de funcionários da Mabel sem aviso prévio em MS
EDUCAÇÃO
Governo de MS divulga inscrições para Vale Universidade Indígena
MEIO AMBIENTE
Desmatamento prossegue em Rio Verde, mas com nova faixa de preservação
POLÍCIA
Traficante foge e abandona picape com mais de 800 kg de maconha
POLÍTICA
Prefeita de Miranda continua no comando até ser notificada de cassação